Fale Conosco

6 de junho de 2013

Governo prorroga campanha de vacinação contra a febre aftosa



O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca (Sedap), decidiu prorrogar até o dia 20 deste mês o prazo para vacinação do rebanho contra a febre aftosa. A decisão será publicada no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (7).

A solicitação para prorrogação da campanha foi feita junto ao Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), devido aos efeitos da prolongada estiagem que atinge o Estado, provocando debilidade dos animais e dificuldades financeiras dos produtores.

Essa é uma medida de cautela para que a campanha cumpra seu objetivo com eficácia. Estamos lutando para que a Paraíba avance para o patamar de zona livre da aftosa com vacinação, e essa decisão é essencial para que isto aconteça”, explicou o secretário de Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca, Marenilson Batista.

A campanha – Todos os criadores de bovinos e bubalinos são obrigados a vacinar seus animais. A meta da Defesa Agropecuária é vacinar 100% do rebanho do Estado, estimado em 1,1 milhão cabeças de gado em 100 mil propriedades, conforme números oficiais da campanha do ano passado.

Os criadores que não vacinarem seu rebanho ou não apresentarem a notificação no tempo previsto, estão sujeitos a punições como multas e a impossibilidade do transporte e comercialização, além da exclusão dos programas do governo, como por exemplo, o programa estadual de distribuição de ração. As farmácias veterinárias que estão inaptas devem procurar a Defesa Agropecuária para regularizar a situação de comercialização das vacinas.