Fale Conosco

19 de maio de 2015

Governo promove qualificação de profissionais de saúde para combate ao tabagismo



O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES-PB), promove, nesta quinta-feira (21), das 8h às 12h, a Qualificação de Profissionais Inseridos no Programa Nacional de Controle do Tabagismo/INCA. O encontro vai acontecer no auditório do Centro de Treinamento de Professores, em Sousa, e reúne representantes de 40 municípios paraibanos, que compreendem a 4ª Macrorregião de Saúde (8ª, 9ª e 10ª Gerências Regionais de Saúde).

“Serão qualificados dois profissionais por município, preferencialmente médicos, enfermeiros, psicólogos e outros profissionais de saúde com nível superior. Eles devem possuir perfil para que possam, futuramente, trabalhar com o Programa de Cessação do Tabagismo e serem multiplicadores das informações em seus municípios”, informou a chefe do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis, Gerlane Carvalho de Oliveira.

O objetivo da qualificação é capacitar profissionais de saúde para que o Programa Nacional de Controle do Tabagismo seja implantado em seus municípios de atuação e, consequentemente, possam apoiar de forma efetiva os fumantes da comunidade no processo de parar de fumar. “A SES-PB está engajada, sobretudo, nas implantações do Programa no interior do Estado. Os municípios que não disponibilizam tratamento precisam começar a atuar”, afirmou Gerlane Carvalho.

Gerlane explicou, ainda, que a intenção é qualificar os profissionais a fim de que eles possam utilizar canais para alcançar os tabagistas de forma contínua e dentro da realidade de suas rotinas. O Programa Nacional de Controle do Tabagismo usa a abordagem cognitivo-comportamental e o apoio medicamentoso quando necessário. “A programação da entrega de medicamentos aos municípios é feita trimestralmente e já está sendo realizada. A qualificação vem, também, para isso. Tirar dúvidas para que, assim, todos possam iniciar o programa efetivamente”, disse ela. “Outro passo importante nesse processo implica no desenvolvimento de ações que apoiem o fumante que queira parar de fumar, formando grupos de encontros para que os tabagistas troquem experiências e esclareçam dúvidas com profissionais capacitados”, concluiu.

A 4ª Macrorregião de Saúde possui atualmente três municípios com o tratamento do tabagismo em unidades especializadas (CAPS) e 34 municípios com adesão ao Programa Nacional de Controle do Tabagismo pela atenção básica em fase de estruturação.

Programa de Nacional de Controle do Tabagismo – O Instituto Nacional de Câncer (INCA) coordena e executa, em âmbito nacional, o Programa de Controle do Tabagismo e Outros Fatores de Risco de Câncer visando a prevenção de doenças na população através de ações que estimulem a adoção de comportamentos e estilos de vida saudáveis e que contribuam para a redução da incidência e mortalidade por câncer e doenças tabaco-relacionadas no país.

As ações do Programa são desenvolvidas em parceria pelas três instâncias governamentais – federal, estadual e municipal – para capacitar e apoiar os 5.561 municípios brasileiros e abrangem as áreas da educação, legislação e economia.