Fale Conosco

27 de agosto de 2011

Governo promove palestra sobre esclerose múltipla nesta segunda-feira



Em comemoração ao Dia Nacional de Conscientização da Esclerose Múltipla (30), a Associação Paraibana de Esclerose Múltipla (Apbem) realiza a palestra “Esclerose Múltipla: Terapias Complementares”, no próximo dia 29 (segunda-feira), às 16h, no auditório da Fundação Centro Integrado de Apoio ao Portador de Deficiência (Funad), em João Pessoa. O evento é direcionado aos estudantes e profissionais da área de saúde, mas também está aberto a outros interessados.

Segundo o presidente da Apbem, Severino José de Araújo, o evento deve reunir também representantes das associações e movimentos que atuam no tratamento da doença, que atinge principalmente adultos jovens entre 20 e 40 anos, sendo na grande maioria do sexo feminino e de pele branca. “A esclerose múltipla é uma doença degenerativa do sistema nervoso central e que se caracteriza por se apresentar em surtos”, explicou Araújo, ressaltando que se trata de uma doença incapacitante e de difícil diagnóstico.

Comemoração – O Dia Nacional de Conscientização da Esclerose Múltipla foi criado em homenagem à Dra. Rita Levy, fundadora da Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (Abem). Nesta data, todas as associações e movimentos ligados à patologia se movimentam para divulgar a doença. Na Paraíba, a Funad tem sido importante parceira nesse trabalho de esclarecimento à sociedade. “Como gestora da política da pessoa com deficiência no Estado, a Funad se sente honrada em sediar debates como esses promovidos pela Apbem”, ressaltou a presidente da Fundação, Simone Jordão Almeida.

A esclerose múltipla se confunde com outras patologias, pois seus sintomas iniciais podem aparecer e desaparecer repentinamente. Esses sintomas podem ser os seguintes: dormência em qualquer parte do corpo, perda das funções vesicais, visão dupla ou perda momentânea da visão, dor sem causa específica, dificuldade para caminhar, fadiga, desequilíbrio, tremores e dificuldades de controlar os movimentos, entre outros.

De acordo com Severino Araújo, para explicar os sintomas da patologia e divulgar os avanços já alcançados no tratamento de pessoas nos principais centros de saúde nacionais e internacionais, a palestra será com a neurologista com pós-graduação em Homeopatia e Medicina Tradicional Chinesa, Maria Cristina Brandão de Giácomo, “A discussão será bastante enriquecedora, principalmente para os profissionais e estudantes de medicina, fisioterapia, oftalmologia e enfermagem”, disse.

Para outras informações, o telefone é (83) 8837-6470 e o email é apbem.apbem@gmail.com. As inscrições são gratuitas. Durante o evento, serão arrecadadas doações voluntárias de fraudas geriátricas, tamanho M.