João Pessoa
Feed de Notícias

Governo participa do Dia D de vacinação contra gripes

sábado, 30 de abril de 2011 - 14:29 - Fotos:  José Lins/Secom-PB

Na Paraíba, 620 mil pessoas deverão ser vacinadas contra gripes comum e H1N1, até o dia 13 de maio. Neste sábado (30) a Secretaria de Estado da Saúde realiza a campanha nos 223 municípios. Em João Pessoa a abertura oficial do Dia D, foi realizada no Ponto de Cem Réis, às 9h, com a presença do prefeito da capital Luciano Agra, além das equipes da Saúde do município e do Estado. A gerente executiva de Vigilância em Saúde, Júlia Vaz, da Secretaria Estadual de Saúde, representou o Governo da Paraíba.

O Governo pretende vacinar 620 mil pessoas no Estado

Houve apresentação da conjunto musical 5 de Agosto e de grupos culturais formados por idosos. O governador Ricardo Coutinho não participou do evento na capital porque encontra-se na cidade de Cajazeiras, na plenária do Orçamento Democrático Estadual, juntamente com o secretário de Saúde, Waldson Dias de Souza e outros auxiliares.

“Hoje é um dia de sensibilização da população que deve procurar os postos de vacinação”, destacou Júlia Vaz, enfatizando que a meta do Estado é imunizar cerca de 95% de um total de 620 mil pessoas, com base na estimativa do Ministério da Saúde. A campanha acontece em todo o Brasil. A Secretaria de Estado da Saúde tem disponível 641.820 doses da vacina. A imunização contra as gripes comuns e a H1N1, começou dia 25 de abril e se estende até o dia 13 de maio.

A população a ser vacinada inclui gestantes, idosos de 60 anos a mais, crianças de seis meses até dois anos de idade, profissionais de saúde e 14 mil indígenas. No estado estão em funcionamento 1.100 postos de vacinação com envolvimento de 5 mil profissionais.

Já o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, ressaltou a importância das parcerias nas três esferas de governo: federal, estadual e municipal, objetivando a saúde da população, com ênfase para a sintonia entre a Secretaria de Saúde de João Pessoa e a Secretaria de Saúde do Estado.

De acordo com o prefeito, na capital deverão ser vacinadas 70 mil pessoas, o equivalente a 10% da população. Luciano Agra lembrou que a imunização continua até o dia 13 de maio nos 180 Postos de Saúde da Família (PSFs), além dos demais postos de vacinação. “A vacinação é importante para proteger a população de um vírus que a cada ano tem uma mutação, é a saúde levada com seriedade”, ressaltou o prefeito.

Vacinação na Paraíba – Até a manhã desta sexta-feira (29), dados do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI), revelavam que das 620 mil pessoas que devem tomar a vacina, 35.658 já haviam sido imunizadas. Desse montante foram vacinadas 5.546 crianças, 5.067 trabalhadores de saúde, 2.775 gestantes, 22.267 idosos e três pessoas da população indígena.

Na vacinação da faixa etária de seis meses até dois anos de idade, devem ser aplicadas duas doses. A criança precisa retornar ao posto com 30 dias para receber a segunda aplicação, para garantir a imunização.

Equipes das secretarias de Saúde do Município e do Estado participaram do Dia D

Importância da vacina – A H1N1 é uma doença respiratória e a transmissão ocorre, principalmente, por meio de tosse, espirro ou de secreções respiratórias de pessoas infectadas. Os sintomas são: febre repentina, tosse, dor de cabeça, dores musculares, dores nas articulações e coriza. Em qualquer um desses sintomas o ideal é procurar um médico para fazer o acompanhamento e evitar complicações.

A gripe comum também pode evoluir e trazer problemas mais graves como pneumonias bacterianas ou agravamento de doenças crônicas já existentes, como diabetes e hipertensão, que são mais comuns nos grupos de idosos e crianças com idade entre seis meses e dois anos, além das gestantes, que também são muito vulneráveis.