Fale Conosco

30 de agosto de 2017

Governo participa de encontro para discutir cadeia produtiva de avicultura e suinocultura



O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca (Sedap), está participando do Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura (SIAVS). O evento acontece em São Paulo e reúne Secretários de Agricultura e demais autoridades para debater o tema Inovar para Consolidar, e tem como objetivo debater  a  cadeia produtiva de aves e suínos nos Estados e no País. A Paraíba está representada no evento pelo secretário da Sedap, Rômulo Montenegro.

O evento consta de diversas palestras ligadas às cadeias produtivas com perspectivas de proporcionar aos atores envolvidos com as citadas cadeias a oportunidade de conhecer os avanços consolidados a partir de inovações em áreas sanitárias, comerciais, tributárias e intercambiais.

O secretário destaca a importância de a Paraíba estar presente ao evento, uma vez que o Estado vem avançando nas diversas cadeias produtivas e tem estabelecido as políticas sanitárias e comerciais como meta para o Estado.

O secretário Rômulo Montenegro, que também é vice presidente do Conselho Nacional dos Secretários de Agricultura (Conseagre), afirmou que “o sistema federativo brasileiro dispõe, dentre outras ações, sobre a distribuição de atribuições entre os entes federados, de modo que as políticas públicas agropecuárias de cada estado devem guardar de acordo a ter um ponto de convergência para que não ocorra uma autodestruição do agronegócio em âmbito nacional. Portanto, o Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) conduz a política macro de discussões do comércio nacional e internacional, mas deve respeitar a autonomia federativa para assegurar políticas públicas que considere as peculiaridades de cada estado, convergindo no que importe para cada um alcançar seus objetivos, que é a ampliação da agropecuária”.

Durante o evento, acontece várias palestras, entre as quais a de abertura com o diretor geral da Organização Mundial de Saúde (OMC), o brasileiro Roberto Azevedo, que tratou sobre o tema Cenário Global e novas Tendências no Comércio Internacional. Em sua fala demonstrou otimismo e grandes perspectivas para o agronegócio, considerando a eficiência da produção nacional por meio da utilização de tecnologias  modernas nos  campos nacionais e a independência do produtor.

Presente ao evento secretários de agricultura de vários estados, governadores ou representantes de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Além do Ministro da Agricultura Blairo Maggi, os ministros da Agricultura do Uruguai, Paraguai, Chile, Argentina e Peru.

Dentre as atividades do evento acontece uma reunião conjunta do Conseagri e do Conselho de Agropecuária do Sul (CAS), presidida pela ministra de Agricultura do Paraguai e o secretário Rômulo Montenegro, na qual irão debater sobre Nivelamento de Regras Sanitárias entre os países do Conesul e propostas comuns para o Comércio com a União Europeia.