Fale Conosco

29 de setembro de 2015

Governo paga R$ 65 milhões em precatórios e beneficia mais de 6,7 mil pessoas em 2015



O repasse de recursos do Governo do Estado da Paraíba  para o Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) possibilitou o pagamento de mais de R$ 65 milhões em precatórios – de fevereiro a setembro de 2015 – para 6.749 beneficiários, como professores, agentes ficais, trabalhadores do sistema penitenciário e servidores da polícia científica.

O presidente da PBPrev, Yuri Simpsom Lobato, destacou que o alto volume de recursos repassados nunca foi pago antes em toda a história Paraíba. “Apesar do momento de crise econômica em que o país vive, o Governo tem se empenhado para cumprir seus compromissos dentro da lei”, reforçou Simpsom.

O maior montante de beneficiados foi da área da educação. Em aproximadamente dois meses, serão pagos os precatórios preferenciais a aproximadamente 2.200 professores, equivalentes a R$ 32 milhões, dentro das prioridades especificadas em lei: maiores de 60 anos de idade e portadores de doenças graves. Também foram contemplados 366 profissionais da Associação dos Professores de Licenciatura Plena do Estado da Paraíba (APLP).

“Há 20 anos os professores esperavam o pagamento dos créditos e, graças à ação do governador Ricardo Coutinho, em repassar os recursos, eles serão beneficiados”, comemorou o advogado do Sintep, Vandalberto Carvalho.

De acordo com o gerente de Precatórios do TJPB, Hugo Rodrigo Gomes, a conquista foi um empenho do Governo e do setor responsável para tirar o atraso e colocar os recursos em dia. “Tínhamos alguns processos represados ainda do ano de 2013. Foi um grande avanço alcançado e os beneficiários deverão receber no prazo máximo de até dois meses os valores referentes em suas respectivas contas bancárias automaticamente”, finalizou.

Os números integram a 15ª lista divulgada nesta terça-feira (29) no Diário de Justiça do Estado da Paraíba (DJPB). Além dos beneficiários da APLP e Sintep, há contemplados do Sindifisco, Sintasp e Aspocep.