João Pessoa
Feed de Notícias

Governo leva ações para fortalecer agricultura familiar nas Várzeas

quinta-feira, 12 de setembro de 2013 - 15:08 - Fotos: 

Agricultores familiares dos municípios de Sousa e Aparecida, no Sertão, que trabalham na área do Canal da Redenção participam nesta quinta-feira (12) da Jornada de Inclusão Produtiva, promovida pelo Governo do Estado, através da Emater. Realizado no Centro de Recreação e Atividades Sociais de Aparecida até o final do dia, o evento reúne técnicos da Emater e de outros órgãos do Governo, além de agentes financiadores da atividade agropecuária, com a finalidade de levar informação, orientação e assistência a essas famílias agricultoras.

Especialmente nesta edição da Jornada, o foco são os agricultores que trabalham na área do Canal da Redenção, que estão tendo a oportunidade de conhecer técnicas, potencialidades e modelos de investimento na produção de frutas e hortaliças.

Durante o evento, estão sendo distribuídas 10 mil raquetes de palma para a formação de suporte forrageiro que ajudará aos agricultores na convivência com a estiagem, além de armadilhas para captura de insetos que atacam os coqueirais.

As famílias agrícolas ainda tiram dúvidas sobre condições de financiamentos para melhorar suas produções ou para compra de terras, e obtêm informações sobre programas e políticas públicas como participação no Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e Programa Nacional Rural de Habitação.

Até o final da tarde desta quinta-feira, são distribuídas mudas frutíferas e ornamentais. A Emater também promove demonstrações práticas de silagem e fenação, ensina a elaboração de projetos de crédito diversos e dá orientação sobre comercialização, aquisição de terra, documentação e outras ações.

O presidente da Emater, Geovanni Medeiros, explica que a realização da Jornada de Inclusão Produtiva representa parte do esforço do Governo do Estado em proporcionar aos agricultores familiares oportunidades de melhorar e expandir sua produção, com o objetivo de gerar mais renda.

O prefeito de Aparecida, Julio Cesar Queiroga, disse que a jornada consegue efetivar políticas públicas que realmente auxiliam o setor agrícola. “Isso é muito importante nesse momento em que a região passa por uma séria estiagem”, avilia.

Participam do evento o Banco do Nordeste, Agroamigo, Secretaria de Ação Social, Secretaria de Agricultura, Secretaria de Saúde, CMDRS, sindicato de trabalhadores rurais e associações.

Várzeas – Os municípios de Aparecida e Sousa integram o Projeto de Irrigação Várzeas de Sousa. Quando estiver pronto, o projeto beneficiará 395 famílias e gerar cerca de 5 mil novos empregos diretos – e aproximadamente 12 mil indiretos. A expectativa é que nessa área sejam produzidos banana, goiaba, manga, melão, algodão e hortaliças, além de ovinocultura orgânica.

O projeto é uma iniciativa do Governo do Estado com a finalidade de impulsionar e dinamizar a agricultura nessa região. A infraestrutura é composta por um canal de 37 km de extensão, onde há túneis, sifões e galerias. Compõem ainda o projeto um reservatório de compensação, estação de bombeamento, subestação elétrica, adutoras, reservatório de distribuição, rede de drenagem, rede viária, cercas do perímetro, reserva legal e centro gerencial.

O Projeto Várzeas estende-se por uma área de 6.335,74 hectares, assim distribuídos: 178 lotes de pequenos irrigantes totalizando 992,53 hectares (e mais 65,56 ha com baixa aptidão); 18 lotes empresariais com um total de 2.309,16 hectares; lotes destinados à pesquisa, experimentação e extensão rural somando 81,80 hectares; 1.879,39 hectares destinados às áreas ambientais e de infraestrutura e corredores da fauna, e um lote destinado ao Incra para o assentamento de 141 famílias em um total de 1007,30 hectares.