João Pessoa
Feed de Notícias

Governo lança edital do Empreender e anuncia linha de crédito

terça-feira, 7 de junho de 2011 - 15:42 - Fotos: 

Lançamento do Programa Empreender aconteceu no Palácio da Redenção. Foto José Marques/Secom-PB

Apicultura, atividade têxtil, mineração, pecuária e agricultura familiar são alguns dos 25 arranjos produtivos locais (APLs) que o primeiro edital do Programa de Apoio ao Empreendedorismo da Paraíba (Empreender-PB) deve beneficiar inicialmente. Lançado nesta terça-feira (7), o Programa deve investir entre R$ 15 milhões e R$ 20 milhões na economia paraibana em 2011, segundo o governador Ricardo Coutinho. Ele anunciou, ainda, que o Programa vai lançar, nesta quinta-feira (9), uma linha de crédito para os artesãos, durante a abertura do Salão do Artesanato Paraibano, em Campina Grande.

Durante o lançamento, o governador lembrou que a opção por iniciar o Programa com edital voltado para negócios coletivos partiu de um estudo realizado pelo Empreender-PB, que identificou 25 APLs potenciais para investimentos. “Isto nos deu uma base para a aplicação imediata dos recursos, mas a tendência é que outros APLs sejam incorporados. É uma infinidade de situações que poderemos incentivar com crédito e capacitação para que as nossas regiões se desenvolvam”, explicou Ricardo Coutinho.

Ele também anunciou o lançamento de uma nova linha de crédito, voltada para artesãos e associações de artesãos. De acordo com técnicos do Empreender-PB, para este público serão destinados recursos da ordem de R$ 1 milhão, através de financiamentos com limite de até R$ 2 mil para pessoa física, e até R$ 10.900 para associações. A expectativa do Programa é que, até o final do ano, sejam lançados cinco editais.

O primeiro edital, aberto nesta terça-feira, disponibiliza R$ 5 milhões com financiamentos de até R$ 500 mil para negócios coletivos. Além deste, o subsecretário executivo do Empreender-PB, Tárcio Pessoa, lembrou que serão oferecidas três modalidades de crédito para empreendedores individuais, pessoas em situação de vulnerabilidade social e micro e pequenas empresas.

“O Programa quer atingir a base da pirâmide social, fomentando a produção e comercialização, mas também consolidando as cadeias produtivas com a oferta de assistência técnica, tecnologia de gestão, acesso a mercados e montagem de marcas”, destacou.

Durante a solenidade de lançamento do Empreender-PB, foram assinados dois termos de cooperação técnica, que formalizam parcerias com o Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e o Empreender João Pessoa. Mas, segundo o governador, é possível que outras parcerias sejam realizadas com instituições como o BNDES e com outros municípios que realizem projetos na área de microcrédito.     “O Empreender Paraíba veio para somar com outros projetos para dinamizar a nossa produção em todas as regiões do Estado. Estou muito esperançoso com isto”, afirmou o governador.

Também participaram do evento, o vice-governador do Estado, Rômulo Gouveia; o secretário de Estado do Turismo e Desenvolvimento Econômico, Renato Feliciano; o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra; o arcebispo Dom Aldo Pagotto; o secretário do Empreender-JP, Raimundo Nunes; o superintendente do BNB, Francisco Carlos Cavalcanti; entre outras autoridades.