João Pessoa
Feed de Notícias

Governo lança campanha estadual da dengue no município de Bayeux

sexta-feira, 28 de março de 2014 - 17:34 - Fotos: 

Nesta sexta-feira (28) pela manhã, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Gerência de Vigilância em Saúde, lançou a Campanha Estadual de Combate à Dengue, no Ginásio de Esportes do São Bento, em Bayeux, com panfletagens feitas por agentes comunitários de endemias e alunos da rede estadual e municipal e exposição do laboratório do Núcleo de Entomologia e Pesquisa Operacional (NEPO), com larvas do mosquito Aedes aegypti. “O nosso objetivo é mobilizar a população com relação à doença. Mostrar que ela é participante do processo de combater a dengue”, disse a técnica da SES, Izabel Sarmento.

Durante todo o dia outros municípios realizaram, simultaneamente, o lançamento das ações municipais de combate à dengue, dentre elas, participação das Unidades de Saúde da Família na realização de palestras educativas nas escolas e na comunidade: panfletagem e orientação nas visitas domiciliares, através dos Agentes Comunitários de Saúde e de Endemias, sobre sinais e sintomas da doença; mutirão de limpeza urbana; distribuição de material educativo aos comerciantes locais; divulgação, através de carro de som, e na mídia local (rádio comunitária); intensificação das ações em cemitérios, borracharias e canteiros de obras da construção civil.

Em Bayeux, participaram alunos de três escolas: Escolas Municipais Berenice Ribeiro Coutinho e Ruy Carneiro e Escola Estadual Tancredo Neves. Para o secretário adjunto de Educação do município, Robertino Lopes, a ação de combate à dengue vem reforçar o que já é visto na sala de aula. “Por meio dos Programas Saúde na Escola e Saúde e Prevenção na Escola, os alunos já recebem conhecimentos sobre a dengue, mas ações como esta são importantes porque proporcionam a prática do que vivenciam na aula”, falou.

Lucas Henrique, de 12 anos, que faz o 7º ano, falou com propriedade sobre as formas de prevenção. “A gente pode combater. Para isso as pessoas devem tampar os baldes; virar as garrafas de cabeça pra baixo e tirar a água dos pneus e de outros objetos que acumulem água”, ensinou.

Segundo a coordenadora de Vigilância em Saúde de Bayeux, Rosiene Sarinho, 50 agentes de endemias foram disponibilizados para ir de casa em casa dar um reforço no trabalho diário. “Todo este trabalho só foi possível graças à parceria com o Governo do Estado, por meio da SES, e com as Secretarias Municipais de Educação, Infraestrutura e Ação Social. Todos envolvidos, a população só tem a ganhar”, frisou.

Para a moradora Maria José Ribeiro, o evento foi positivo. “É muito bom pra saúde da gente. E a população tem que entender que os cuidados que estão sendo repassados aqui são para sempre”, afirmou.

Os municípios que realizaram atividades neste Dia “D” da Dengue, foram: Aguiar, Alhandra, Bayeux, Bernadino Batista, Bom Jesus, Bonito de Santa Fé, Cabedelo, Cachoeira dos Índios, Cajazeiras, Capim, Carrapateira, Campina Grande, Cuité, Monte Horebe, Patos, Piancó, Poço Dantas, Poço de José de Moura, Riachão do Poço, Santa Helena, Joca Claudino, Guarabira, São Bento, São João do Rio do Peixe, São José da Lagoa Tapada, São José de Caiana, Tacima e Triunfo.

Itapororoca, Manaíra e Brejo do Cruz já realizaram e Conde, Mataraca, Parari, Pilar, Pitimbu, Riacho dos Cavalos, Cruz do Espírito Santo, São José de Piranhas, São José de Espinharas e Uiraúna, estão com agendas programadas para os meses de abril e maio.

 A situação da dengue é preocupante no Estado porque ainda há mortes quando não deveria haver. Se o município observar que a situação exige, ele deve nos procurar na Secretaria de Estado da Saúde com o objetivo de fortalecer as ações de combate a doença,” concluiu Izabel Sarmento.