João Pessoa
Feed de Notícias

Governo já distribuiu 250 mil mudas de palma resistente à cochonilha

terça-feira, 12 de abril de 2011 - 19:06 - Fotos: 

 

Secretário da Sedap durante explanação na Assembleia

Em sessão especial na Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (12), o secretário Estadual do Desenvolvimento da Agricultura e Pesca, Marenilson Batista, informou que o Governo do Estado já distribuiu 250 mil raquetes de palma forrageira resistente â praga cochonilha do carmim para atender os produtores. Segundo o secretário, dentro do Programa de Alimentação Animal, que foi lançado na atual gestão, o Governo do Estado distribuirá este ano sementes de sorgo com os criadores, para que os rebanhos não fiquem dependentes do pico de apenas uma alimentação, como é o caso da palma.

Marenilson Batista representou o governador Ricardo Coutinho na sessão especial para debater a praga da cochonilha do carmim. A sessão foi proposta pelo deputado estadual Francisco de Assis Quintans (DEM) e presidida pelo deputado João Gonçalves (PSDB).

Em sua fala da tribuna da Assembleia, o secretário de Agricultura destacou que tanto a Sedap como os órgãos vinculados estão unidos no combate à praga que traz prejuízos à bacia leiteira de 57 municípios paraibanos. “Todo o governo está preparado para enfrentar e vencer essa praga”, disse. Por causa da praga, a produção de leite na bacia de Monteiro foi reduzida de 50 mil para 10 mil litros.

Segundo o secretário, o governo Ricardo Coutinho já estabeleceu ações fundamentais nesse combate, como o lançamento de um programa de alimentação animal e a distribuição de raquetes de palma, que atualmente é a principal fonte de alimentação dos bovinos. “O programa de alimentação animal envolve todas as espécies de cultivares existentes e a Sedap, junto com a Emater, atua para implantação de um processo de armazenagem”, informou.

A distribuição de 250 mil raquetes de palmas obedece ao sistema rotativo, para que o plantio seja multiplicado pelos próprios produtores. O secretário destacou que em São Sebastião de Umbuzeiro já há um trabalho para a ativação da fábrica de alimentação animal e que, na semana passada, já manteve entendimentos com a Eletrobrás para que ela financie a implantação de outra unidade na região do Curimataú.

Além do secretário Marenilson Batista, participaram da sessão especial o coordenador do Projeto Cooperar, Roberto Vital; o presidente da Emepa, Manuel Duré; o superintendente da Delegacia Federal de Agicultura (DFA), Hermes Ferreira; e o arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, entre outras autoridades.