Fale Conosco

23 de outubro de 2013

Governo investe R$ 5 milhões para modernizar abastecimento d’água



O Governo do Estado, por meio da Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa), está implantando um sistema de automação no Centro de Controle Operacional (CCO), que fica na sede da Gerência Regional da Companhia, no bairro do Catolé, em Campina Grande. Segundo o presidente da empresa, Deusdete Queiroga, que inspecionou o serviço, o sistema estará automatizado até o final deste ano, o que permitirá acionamento remoto para nas operações de abastecimento de água de Campina e de mais nove cidades do Compartimento da Borborema. investimento em equipamentos é de R$ 5 milhões.

Com o sistema todo automatizado, poderemos, por exemplo, acionar ou desligar um conjunto motor-bomba da estação elevatória de água bruta, localizada em Boqueirão, diretamente do nosso Centro de Controle Operacional. Além disso, passaremos a ter acesso a diversos parâmetros das condições de funcionamento dos nossos equipamentos, como temperatura, pressão e vibração”, enfatizou o presidente da Cagepa. “Esses dados vão nos permitir implementar um plano mais eficiente de manutenção preditiva, preventiva e corretiva”, completou.

Para o diretor de Operação e Manutenção da Cagepa, engenheiro José Mota Victor, a automação do sistema integrado de Campina Grande possibilitará também outros benefícios. “Os dados de produção e consumo de água para todo o sistema serão conhecidos em tempo real. Isso será fundamental para a implantação de um plano de controle de perdas”, disse. “Além disso, os níveis dos reservatórios também serão conhecidos instantaneamente, de modo a evitar extravasamentos ou desabastecimentos provocados por níveis baixos”, destacou José Mota.

O subgerente de Controle Operacional da Cagepa em Campina Grande, engenheiro Ronaldo Meneses, explicou que com o sistema automatizado os técnicos da Companhia passarão a dispor de dados mais precisos quando precisarem tomar alguma decisão sobre gerenciamento dos processos operacionais.

Além de Campina Grande, a automação do sistema integrado de abastecimento de água beneficiará as cidades de Pocinhos, Alagoa Nova, Queimadas, Caturité, Barra de Santana, Alagoa Nova, Lagoa Seca, São Sebastião de Lagoa de Roça e Matinhas, e os distritos de São José da Mata, Galante, Catolé de Boa Vista, Jenipapo, Floriano e Curralinho.