Fale Conosco

25 de junho de 2012

Governo intensifica capacitação em comunidades tradicionais



Cerca de 300 famílias de comunidades tradicionais serão capacitadas até o final deste primeiro semestre pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Humano (Sedh). O treinamento faz parte do Projeto “Atividades Produtivas Fortalecendo a Segurança Alimentar e Nutricional nas Comunidades Indígenas, Negras e Quilombolas da Paraíba”.

Nesta terça-feira (26) mais 33 famílias serão capacitadas, sendo 18 da comunidade Matias (quilombola) em Serra Redonda e 15 da comunidade Matão (quilombola) em Gurinhém. Na quarta-feira (27), será realizada visita a uma unidade demonstrativa com 45 indígenas sobre criação de galinha caipira no sistema semi-intensivo.

O programa visa estruturar as famílias que vivem nestas comunidades para que elas possam desenvolver práticas produtivas como plantação e a criação de aves.

Segundo a coordenadora do projeto na Paraíba, Adelina Moreira, durante a realização dos cursos, uma nutricionista realizará rodas de conversa com os participantes sobre segurança alimentar e nutricional.

“A ideia é também inserir estas famílias no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), que foi ampliado recentemente na Paraíba. Para isso, eles precisam ter a consciência de produzir tanto para o sustento das famílias da região, como para gerar renda para a própria comunidade”, disse.

Etapas – O projeto é dividido em duas etapas. A primeira que está sendo concluída é a parte teórica dos cursos. Em seguida, será realizada a aula prática com visita de campo a locais que desenvolvem a atividade para que possa ser aprimorado o que eles viram na teoria.