João Pessoa
Feed de Notícias

Governo inicia projeto Escolinhas de Esportes em parceria com o Unipê

quarta-feira, 11 de setembro de 2013 - 15:35 - Fotos:  Secom-PB

Alunos de 13 escolas da rede estadual de ensino participaram nesta quarta-feira (11), no ginásio de esportes do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê), da abertura do projeto “Escolinha de Esportes”. A ação é fruto de convênio firmado entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação (SEE), e a instituição de ensino. Cerca de 800 estudantes das unidades de João Pessoa serão beneficiados com o projeto. As aulas deverão ter início já nesta sexta-feira (13).

As escolas atendidas pelo projeto estão localizadas nos bairros de Mangabeira, Cristo Redentor, Ernesto Geisel, Rangel, José Américo e Centro. A SEE disponibilizou quatro ônibus escolares para o transporte dos estudantes até o local de treinamento durante toda a semana, de acordo com a inscrição e a escolha da modalidade feita pelo aluno, além de material esportivo. “O Unipê vai fornecer as instalações e os profissionais. Pelo menos 50 profissionais, entre professores, bolsistas de extensão e alunos voluntários do curso de Educação Física, irão participar do projeto”, afirmou o gerente operacional de Desporto Escolar (Gode/SEE), José Geraldo Castro.

Os alunos matriculados no Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano) e Ensino Médio das escolas participantes poderão se inscrever nas seguintes modalidades esportivas: handebol, futsal, futebol de campo, judô, vôlei e atletismo. “Antes de iniciarem as aulas, todos os alunos passarão por uma avaliação física e uma avaliação médica, nas quais serão verificadas se eles estão aptos às atividades físicas”, disse o gerente.

Importância – De acordo com José Geraldo Castro, a ação é importante para a prática da educação física no âmbito estadual. “A principal importância é ressurgir a Educação Física de qualidade. O governo está investindo muito em material esportivo e concursos públicos e está mostrando que temos condições de ter uma educação física de qualidade. Também é importante para podermos atingir alunos que possam se tornar futuros atletas de nível para competições estaduais”, salientou. “O objetivo é, acima de tudo, tirar o aluno da rua no contra turno escolar e trazê-lo para uma atividade física, para evitar contatos com drogas e com meios ilícitos”, completou o gerente.

Boas expectativas – O estudante Daniel Soares, do 3º ano do Ensino Médio da Escola Estadual Luis Ramalho, optou pela modalidade vôlei. “Tenho expectativas boas. Faz tempo que não jogo, mas estou apostando todas minhas fichas neste projeto”, afirmou.

Isaac da Silva, que estuda no 2º ano do Ensino Médio na mesma escola, também escolheu treinar voleibol. “Acredito que vai ser bom e espero que minhas expectativas se confirmem. Já joguei vôlei há algum tempo, mas quero voltar”, disse.

Escolas participantes do projeto Escolinha de Esportes:

EEEFM Severino Dias de Oliveira – Mestre Sivuca – Mangabeira

EEEF João Roberto Borges de Souza – Mangabeira

EEEIEF Professora Maria de Fátima Souto – Mangabeira

Caic Damásio Franca – Mangabeira

EEEFM Compositor Luis Ramalho – Mangabeira

EEEF Milton Campos – Ernesto Geisel

EEEIEF Professora Concita Barros – Ernesto Geisel

EEEFM Cônego Francisco Gomes Lima – Ernesto Geisel

EEEIEF Professor Orlando Cavalcanti Gomes – Cristo Redentor

EEEF Professor Mateus Ribeiro – Rangel

EEEF Tiradentes – Rangel

EEEFM Daura Santiago Rangel – José Américo

EEEFM Professora Olivina Olívia – Centro

Modalidades, vagas e horários da Escolinha de Esportes:

Handebol – 100 vagas – segundas e terças, das 8h às 10h

Futsal – 100 vagas – quintas e sextas, das 9h às 10h30

Futebol de Campo – 100 vagas – terças e quintas, das 8h às 10h

Judô – 100 vagas – segundas e terças, das 8h às 10h

Vôlei – 100 vagas – quartas e sextas, das 8h às 10h

Atletismo – 200 vagas – segundas e terças, das 8h às 10h

Vôlei – 100 vagas – quartas e sextas, das 16h15 às 18h