João Pessoa
Feed de Notícias

Governo inicia ligação da rede de esgoto de 35 mil domicílios na Capital

terça-feira, 19 de abril de 2011 - 08:09 - Fotos:  José Marques/Secom-PB

Governador foi até o bairro Alto do Mateus, na Zona Oeste da Capital, na segunda-feira

O governo do Estado assinou no inicio da noite desta segunda-feira (18), na Praça das Mangueiras, no Alto do Mateus, o termo de recebimento do sistema de esgotamento sanitário feito pela prefeitura de João Pessoa para o inicio das 35 mil ligações domiciliares nos bairros do Alto do Mateus, Jardim. Planalto, Ilha do Bispo, Bairro do Novais, Bairro das Indústrias, Ernani Sátiro, Costa e Silva e Jardim Veneza.  O Termo assinado pelo governador e pelo prefeito de João Pessoa beneficiará mais de 120 mil famílias da Zona Oeste da Capital com a rede de esgoto.

O governador Ricardo Coutinho também anunciou que este mês irá assinar convênio com a Caixa Econômica Federal para esgotamento de bairros da Penha, José Américo, Colibris e Água Fria e na melhoria do sistema de tratamento de água da barragem de Gramame. Os recursos serão provenientes do Governo Federal com contrapartida do Governo do Estado dentro do PAC 2.

As obras de esgotamento sanitário da Zona Oeste foram iniciadas há quase 10 anos, mas as quatro estações elevatórias no Alto do Mateus, Ilha do Bispo, Três Lagoas e Bairro das Indústrias só foram concluída no dia 30 de março de 2010 pela prefeitura da Capital. Mesmo diante dos pedidos do então prefeito Ricardo Coutinho para que a Cagepa fizesse as ligações o trabalho não foi realizado pela gestão  passada e só agora o governo inicia a desobstrução e a ligação do esgotamento das residências.

Ricardo Coutinho lembrou que desde que assumiu o governo em janeiro determinou ao presidente da Cagepa, Deusdeth Queiroga, que realizasse os trabalhos de desobstrução das galerias e a ligação do esgotamento na rede. “Falta pouco para dizer que o tempo do esgoto a céu aberto ficou para trás”, completou o governador.

Ele ressaltou que após a conclusão das casas do conjunto Anayde Beiriz pela prefeitura, o governo irá imediatamente ligar a rede de esgoto mais 700 unidades domiciliares. “ Isso quer dizer que João Pessoa caminha célere na universalização do acesso ao saneamento básico garantindo menos doenças e mais qualidade de vida para o povo”, completou.

O superintendente da Cagepa, Deusdeth Queiroga, destacou que apesar das dificuldades por alguns pontos da rede coletora ter quase 10 anos, a Cagepa seguiu a orientação do governador e está pronta para levar a rede de esgoto para a população de oito bairros. Ele ressaltou que além da melhoria da qualidade da saúde da população, a obra evitará que o esgoto da região continue sendo depositado nos rios Jaguaribe e Sanhauá.

O prefeito Luciano Agra lembrou que depois de denúncias de desvios em gestões anteriores na obra os serviços complementares foram feitos a partir de um Termo de Ajustamento de Conduta entre a Prefeitura e Cagepa, no qual o municipio faria as estações elevatórias  e a Cagepa a revisão da rede coletora e as ligações. “Esse é o momento de parcerias com o Governo do Estado. A população não pode continuar sendo penalizada com disputas políticas mesquinhas”, enfatizou.