Fale Conosco

26 de agosto de 2013

Governo incentiva cultivo de hortaliças na Colônia Agrícola Penal do Sertão



O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap), em parceria com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB), está desenvolvendo um projeto de plantio de hortaliças (tomate, coentro, alface e beterraba) na Colônia Agrícola Penal do Sertão, na cidade de Sousa. O projeto vai disponibilizar a produção para o consumo interno da própria Unidade Prisional e o restante será para o benefício e renda dos familiares dos apenados que cultivam os produtos.

O secretário de Administração Penitenciária, Wallber Virgolino, destacou que a iniciativa colabora para a ressocialização dos reeducandos e também para melhorar e diversificar as condições alimentares deles na Colônia Penal do Sertão. “Esse tipo de projeto é uma iniciativa que visa melhorar as condições dentro do Sistema Prisional Paraibano. Vale lembrar que o importante é promover e colaborar com a ressocialização, como também tornar a Colônia Agrícola autossuficiente e contribuindo para melhorar o sistema”, comentou.

De acordo com a direção da Colônia Penal, logo após a celebração da parceria entre a Gerência Regional da Emater–PB e a Unidade Prisional, alguns reeducandos foram selecionados para realizar a revitalização da área de plantação de hortaliças, localizada no pátio externo, ao lado do pavilhão central. “Inicialmente, o projeto contou com a participação de cinco reeducandos, anteriormente habituados com as atividades agrícolas e atualmente o avanço pode ser percebido nitidamente aos que visitam as dependências da Unidade Penal”, explicou o diretor adjunto José Bento.

Além de receberem instruções e orientações técnicas permanentemente da Emater-PB, os reeducandos são agraciados com a remissão de pena, segundo a qual para cada três dias trabalhados é diminuído um dia da pena. E ainda com a inclusão no Programa de Ressocialização, implementado pela Gerência Executiva de Ressocialização da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária, recebendo incentivo financeiro do Governo do Estado da Paraíba.