João Pessoa
Feed de Notícias

Governo inaugura quinta Unidade de Polícia Solidária em João Pessoa

sábado, 9 de junho de 2012 - 15:12 - Fotos:  Edvaldo Malaquias/Secom-PB

O governador do Estado Ricardo Coutinho inaugurou no final da manhã deste sábado (9), uma Unidade de Polícia Solidária (UPS) na Comunidade Bela Vista, Bairro do Cristo, em João Pessoa. Esta é a quinta UPS instalada na Capital, beneficiando direta e indiretamente mais de 40 mil pessoas do bairro e comunidades circunvizinhas.

Assim como acontece nos bairros Alto do Mateus, Mandacaru, Bola na Rede e São José, a UPS de Bela Vista tem como filosofia aproximar a polícia da população, visando à identificação e resolução mais rápida dos problemas da comunidade, tornando-a grande aliada no combate à violência.

Durante a solenidade, Ricardo Coutinho reafirmou o compromisso do Estado de ocupar as áreas com maiores índices de criminalidade. “Nós apostamos nessa filosofia para a redução da violência e nos bairros onde já existem UPS alcançamos reduções significativas dos índices criminais. Essa comunidade, a partir de agora, passa a ter a presença efetiva da polícia, ajudando a estabelecer uma cultura de paz”, afirmou Ricardo Coutinho.

Redução de homicídios – No geral, os bairros contemplados com UPS tiveram redução de 20% no número de homicídios, de janeiro a maio de 2012, em relação ao mesmo período de 2011. A maior queda foi registrada no bairro Alto do Mateus, com uma diminuição de 67% no número de homicídios. O bairro São José obteve uma redução de 46% dos assassinatos nesse período.

O secretário da Segurança e da Defesa Social, Cláudio Lima, apresentou à comunidade o comandante da UPS, 1º tenente da
PM Heráclio, e pediu engajamento da população no processo de construção da paz social.

“Nós queremos a população cada vez mais próxima da polícia, pois entendemos que segurança é responsabilidade de todos. É preciso que nós nos demos as mãos para juntos vencermos os desafios da segurança e construir uma Paraíba Unida pela Paz”, afirmou.

A dona de casa e artesã Nazaré Justino acompanhou a solenidade e comemorou a instalação da UPS. “Nós estávamos precisando dessa unidade para nos ajudar, pois a violência é grande na comunidade. Agora, a gente vai se sentir mais seguro, por isso, só temos a agradecer”, relatou.

Para a inauguração da sede foram investidos R$ 70 mil na reforma do prédio e R$ 490 mil na aquisição de um transanimal, veículo moderno utilizado para o transporte de equinos.

Funcionamento – A Unidade de Polícia Solidária de Bela Vista foi instalada na Rua Fernando da Cunha Lima, s/n, e funciona 24 horas. Para isso, foram disponibilizados 30 policiais militares que vão atuar nas modalidades de policiamento montado e radiopatrulhamento.

O diferencial da UPS de Bela Vista é a atuação do Regimento de Polícia Montada Coronel Calixto, sendo a primeira unidade a contar com a presença da Cavalaria. No local, também passam a funcionar os setores de Planejamento e Comunicação do Regimento de Polícia Montada.

De acordo com o comandante do Regimento, coronel José de Anchieta, o uso de cavalos no patrulhamento é um fator agregador e facilita a aproximação da comunidade. “O cavalo é um animal que chama a atenção da população. Isso nos ajudar a estabelecer uma relação de proximidade muito maior com a comunidade”, destacou o comandante.

Homenagens – Na ocasião, o governador Ricardo Coutinho foi homenageado com a comenda Nobre Amigo, concedida pelo Regimento de Polícia Montada Coronel Calixto. Também receberam placas de agradecimento o secretário Cláudio Lima, e o comandante Geral da PM, coronel Euller Chaves, pelos serviços prestados à comunidade.

“Este é um momento histórico para a segurança pública da Paraíba. Com ações como essas aumentamos a confiança da população na polícia, a partir de um referencial de Estado que se preocupa e cuida das pessoas. Os resultados estão acontecendo e a comunidade Bela Vista está de parabéns”, avaliou o comandante Euller Chaves.

Também prestigiaram a solenidade o delegado geral da Polícia Civil, Severiano Pedro do Nascimento Filho, o subcomandante geral do Corpo de Bombeiros, coronel Denis da Silva, o deputado João Gonçalves, líderes comunitários, entre outras autoridades.