Fale Conosco

29 de janeiro de 2015

Governo entrega sementes de sorgo aos agricultores do Semiárido



plantação sorgo emepa 270x179 - Governo entrega sementes de sorgo aos agricultores do SemiáridoO Governo do Estado, por meio da Gestão Unificada da Emater, Emepa e Interpa, vai distribuir, a partir da próxima semana, cerca  de dez toneladas de sementes de sorgo para mil pequenos agricultores familiares do Semiárido paraibano a fim de garantir suporte forrageiro para os animais durante a estiagem. A iniciativa integra o projeto executado pela Emepa com recursos do Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza do Estado da Paraíba (Funcep), sob supervisão da Secretaria do Desenvolvimento da Agropecuária e Pesca (Sedap).

De acordo com o diretor técnico da Emater, Vlaminck Saraíva, o projeto tem como finalidade a produção e distribuição de sementes de sorgo para plantios em pequenas áreas das associações, buscando melhorar a rentabilidade e as condições socioeconômicas dos produtores e suas famílias, com a disponibilização de sementes para formação de forragem para alimentação animal, como forma de aumentar o potencial produtivo dos rebanhos bovinos, caprinos ovinos e de aves.

sorgo ração animal 270x179 - Governo entrega sementes de sorgo aos agricultores do SemiáridoConforme calendário disponibilizado pela Emepa, nessa etapa serão atendidas nove regiões administrativas da Emater, começando pela regional de Solânea, que será contemplada com 880 Kg; seguida de Campina Grande com 1.500 kg. Depois será a vez de Picuí com 840 kg; Itabaiana receberá 490 kg. Já Guarabira ficará com 800 kg e  Areia 700 kg. Por sua vez, Patos receberá 1.570 kg e Serra Branca 2.400 kg. Os 900 kg restantes ficarão de posse da Emepa, para produção de novas sementes.

As regionais de Catolé do Rocha, Cajazeiras, Pombal, Sousa, Itaporanga e Princesa Isabel, que não constam nesta fase, já foram atendidas pela programação da Sedap, no início deste ano, com a distribuição de 15.160 quilos de sementes de sorgo.

Seguindo orientações da Gestão Unificada, dentro da programação da distribuição de sementes de sorgo, caberá à Emater distribuir e orientar os produtores desde o preparo do solo à colheita até  o armazenamento, este último com a prática de silagem.