Fale Conosco

6 de agosto de 2015

Governo e MDA desenvolvem Programa Arca das Letras na Paraíba



Uma parceria do Governo da Paraíba com o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) vai dinamizar o Programa de Bibliotecas Rurais Arca das Letras, segundo informações da Emater-PB, empresa integrante da Gestão Unificada Emepa/Interpa/Emater (GU), vinculada à Secretaria de Estado do Desenvolvimento da Agropecuária e Pesca (Sedap). Nesta semana, a empresa iniciou levantamento de identificação de todas as Arcas implantadas no Estado.

Visita – Há poucos dias, a coordenadora nacional do Programa Arca das Letras, Maria Dione Ferreira, juntamente com a consultora Carleuza Andrade, a coordenadora estadual, Maria Inêz e o delegado adjunto do Desenvolvimento Agrário da Paraíba, Antônio Alves, visitou o município de Gurinhém, onde existem 19 arcas implantadas.

Acompanhados pelo assessor regional da Emater de Itabaiana, Antônio Jocemar, eles conheceram as comunidades Boqueirão, Uruçu e Quilombola do Matão, onde observaram, além do uso das arcas como espaço de leitura, aprendizado e de biblioteca, os trabalhos que os agentes de leitura desenvolvem nesses locais no aspecto sócio-cultural, integrando o programa Arca da Letras a outros projetos de educação como o Mais Educação executados no município.

Os visitantes enfatizaram que, em Gurinhém, as bibliotecas estão distribuídas em pontos de fácil acesso, o que agiliza a utilização do acervo de livros, cartilhas, cordel, e outras publicações doadas pelo MDA. Na ocasião, foi discutido com a população o interesse dos jovens pela leitura, como forma de melhorar os conhecimentos, a compreensão de texto, além da participação de eventos culturais.

Na comunidade Boqueirão, os técnicos do MDA assistiram uma apresentação do grupo de teatro de jovens atores do Projeto Mais Educação e encenaram a peça “O Cravo e a Rosa”. Na oportunidade, a agente de educação Severina Avelino, destacou a importância do Arca das Letras na comunidade. “Tem ajudado os jovens rurais no sentido de ocupação de tempo e de desenvolvimento de habilidades na descoberta de talentos”, comemorou.

Ao final da visita, a coordenadora do MDA disse está satisfeita com a execução do programa em Gurinhém e fez a doação de mais publicações para melhorar o acervo bibliotecário. Também orientou os agentes de leitura, enfocando diversas dinâmicas para estimular a leitura, em busca do intercâmbio cultural. Ela destacou o trabalho da Emater na divulgação e mobilização do programa Arca das Letras.

Ressaltou também que as prefeituras interessadas em introduzir ou expandir esse programa em seu município devem se dirigir à Delegacia do MDA da Paraíba, localizada no prédio do Incra, em João Pessoa, ou nos 223 escritórios da Emater espalhados por todo o Estado.