João Pessoa
Feed de Notícias

Governo e instituições parceiras assinam carta de intenções do Plano de Desenvolvimento para Arranjos Produtivos Locais

terça-feira, 31 de outubro de 2017 - 17:51 - Fotos:  Divulgação

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado do Turismo e Desenvolvimento Econômico (Setde), apresentou, nesta terça-feira (31), o Plano de Desenvolvimento Econômico e Social (Plades), durante reunião de Fórum de Reitores de Instituições de Ensino Superior (IES) realizada na reitoria da Universidade Federal da Paraíba. Na ocasião, foi assinada uma carta de intenções, com diferentes parceiros como órgãos federais de apoio ao desenvolvimento do Nordeste, a exemplo da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) e Banco do Nordeste.

O Plano de Desenvolvimento Econômico e Social Sustentável para os Arranjos Produtivos Locais (Plades) é articulado na Paraíba pelo Governo do Estado, a fim de integrar uma estratégia, em âmbito de Região Nordeste, para a geração de políticas, projetos e ações de desenvolvimento locais a partir de uma perspectiva sistêmica.

De acordo com o coordenador geral do plano Paulo Cavalcanti, o objetivo é reunir, de forma articulada, atores institucionais para debater e apresentar à sociedade a estratégia de desenvolvimento territorial em redes de arranjos produtivos locais. O professor destacou, durante sua apresentação, que as IFES situam-se entre os principais atores neste projeto cooperativo, por sua relevância no conjunto da ciência e tecnologia, e precisam, portanto, caminhar alinhadas.“A estratégia técnica trata o desenvolvimento socioeconômico como o processo de transformações operadas por meio de redes de APLs, entrelaçadas e que envolvem o território paraibano, em suas dimensões cultural, política e econômica”, lembrou.

O compromisso estabelecido na carta assinada é a criação de um termo de cooperação técnica que defina as atribuições e responsabilidades de cada uma das instituições envolvidas. A meta é implementar o Plano de Desenvolvimento Econômico e Social Sustentável para os Arranjos Produtivos Locais do estado da Paraíba desenvolvendo ações de planejamento, organização, execução e avaliação de projetos, convênios, acordos e outros instrumentos necessários ao desenvolvimento dos Arranjos Produtivos Locais do Estado.

O secretário de Estado do Turismo e do Desenvolvimento Econômico, Lindolfo Pires, afirmou que saiu otimista da reunião em virtude do que será replicado com as instituições públicas que aderiram prontamente à proposta do governo e se sente satisfeito pelo trabalho da Secretaria. “O Plades, através dos Arranjos Produtivos Locais (APLs), fará um mapeamento dos segmentos para que possamos aperfeiçoar a produção, de acordo com sua vocação produtiva, conforme as exigências do mercado nacional e mundial.”, concluiu.

Participaram da reunião a vice-reitora da UFPB Bernardina Freire; o reitor UEPB, Rangel Júnior; o reitor  do IFPB, Nicácio Lopes; o superintendente da Sudene, Marcelo José, o gerente de Desenvolvimento Territorial do Banco do Nordeste na Paraíba (BNB),  Izidro Soares, o presidente do IDEP – UFPB, Otávio Machado Lopes de Mendonça.