João Pessoa
Feed de Notícias

Governo e Correios lançam selo dos 10 anos da Central de Transplante

sexta-feira, 25 de setembro de 2009 - 08:21 - Fotos: 

O Governo do Estado e a Empresa de Correios e Telégrafos (ECT) lançam, às 19h30 desta sexta-feira (25), o selo comemorativo dos 10 anos da Central de Transplante da Paraíba, órgão da Secretaria de Estado da Saúde (SES).  A solenidade acontece no auditório do Fórum Cível da Capital e faz parte da programação da IX Campanha Estadual para Doação de Órgãos e Tecidos, que começou nesta quinta-feira (24). A agenda desta sexta conta ainda com o ‘Trem da Vida’, que parte da Estação Ferroviária de João Pessoa, com destino a Cabedelo, levando informação aos passageiros sobre a doação de órgãos.

Com o tema ‘Deixe mais que saudade… Deixe vida! Doe órgãos’, a campanha pretende sensibilizar os paraibanos sobre a importância da doação de órgãos e tecidos, para acabar com a angústia das 425 pessoas que aguardam por um transplante no Estado.  São crianças e adultos que esperam por um gesto que pode mudar o rumo de suas vidas.  A maioria dos pacientes (384) aguarda por um rim. Trinta esperam por uma córnea, oito precisam de um fígado e três dependem de um coração novo para continuar vivendo.

Nesses dez anos, foram realizados 1.436 transplantes no Estado, a maioria – 1.317 – de córneas. Os de rim somam 75, os de fígado 37 e os de coração, sete.  A coordenadora da Central de Transplante, Gyanna Lys Montenegro, disse que, nos últimos seis meses, o Governo do Estado conseguiu avanços significativos para agilizar os transplantes de rim, a maior demanda.

Avanços – Em março deste ano, mais uma equipe médica foi credenciada para realizar os procedimentos em João Pessoa, que passou a contar com duas equipes, uma no Hospital da Unimed e outra no Hospital São Vicente de Paula. A outra equipe atende no Hospital Antônio Targino, em Campina Grande. Essa gestão também está viabilizando, desde maio deste ano, o diagnóstico de morte encefálica para os hospitais públicos e privados de João Pessoa, que não têm condições de realizar a análise.

Outro passo importante, segundo Gyanna, foi a parceria firmada entre a Central de Transplante e o Laboratório Central do Estado (Lacen), para a realização dos exames de patologia clínica nos pacientes que serão submetidos a transplantes. Isso vai agilizar o resultado dos exames, permitindo que o receptor esteja pronto para receber o órgão ou tecido no momento em que aparecer um doador compatível.

O Governo do Estado também colocou em funcionamento o Laboratório de Biologia Molecular do Hemocentro da Paraíba, que está realizando, em fase experimental, a tipagem HLA, o PRA e o Cross Match, exames necessários para doadores e pacientes que serão submetidos a transplantes de medula óssea e rim.

“Em relação aos transplantes de córneas, estamos numa posição de destaque. Mas ainda temos dificuldades na realização de transplantes de rim, que estão sendo superadas, graças ao empenho do secretário da Saúde, José Maria de França, que tem garantido toda a estrutura para melhorar o serviço. Mas, é bom lembrar que mesmo com todo esse empenho, o nosso  objetivo só será atingido se as famílias autorizarem a doação dos órgãos e tecidos de seus parentes mortos. Por isso, é tão importante que as pessoas manifestem, ainda em vida, o desejo de  serem doadoras”, disse Gyanna.

Laços de amor – Só quem depende de um órgão para viver com qualidade ou impedir uma morte prematura, sabe como é importante a atitude das famílias na hora da decisão. Há três meses, o empresário Paulo Rohn, 52 anos, foi submetido a um transplante de coração, depois de esperar um ano e meio na fila. “Já conheci a mãe e o irmão de Alderlan (o doador). No dia em que me encontrei com dona Ana (a mãe), ela me pediu para colocar a mão no meu coração e se emocionou muito. Eu e Alexandre (o irmão) nos tornamos amigos. Ele me chama de irmão do coração”, contou Paulo. O transplante dele foi o sétimo realizado no Estado. O último tinha sido feito há três anos. 

A solenidade de lançamento do selo dos dez anos da Central de Transplante deverá contar com a presença do governador José Maranhão, do secretário de Estado da Saúde, José Maria de França, de representantes da direção dos Correios e Telégragos, na Paraíba, além de outras autoridades. Durante o evento, o procurador da República na Paraíba, Luciano Mariz, fará palestra sobre o transplante e o direito a saúde.

Passeio de trem – O ‘Trem da Vida’, criado há quatro anos, tem o objetivo de esclarecer as dúvidas dos passageiros e conscientizar as pessoas sobre a importância da doação. A viagem de trem a Cabedelo está prevista para as 7h30, com partida da Estação Ferroviária, no bairro do Varadouro.  Familiares de pacientes que estão na fila, e de doadores, que ajudaram a salvar vidas, vão se juntar aos funcionários da Central de Transplante para repassar informações aos passageiros e distribuir panfletos explicativos.

“O trem é um momento de alegria, tanto para nós da Central de Transplante, como para os passageiros. É uma oportunidade que temos de manter contato diretamente com a sociedade, divulgando o nosso trabalho, que é diário. Será um passeio educativo, no qual estaremos mostrando às pessoas, o papel da central e, principalmente, orientando sobre o processo de doação”, disse Gyanna.
 
IX Campanha Estadual para Doação de Órgãos e Tecidos

Dia 24/09/2009 – Quinta-feira
Evento: Culto ecumênico para familiares de doadores e receptores de Órgãos e tecidos, extensivo ao público em geral.
Auditório da PBPREV (Antigo IPEP) – João Pessoa-PB
Hora:  16h

Dia 25/09/2009 – Sexta-feira
Evento: Passeio Ferroviário pela Vida (Projeto Trem da Vida)
Terminal Ferroviário de João Pessoa-PB.
Hora: 7h30

Dia: 25/09/2009 – Sexta-feira
Evento: Lançamento do Selo Comemorativo dos 10 anos da Central de Transplante da Paraíba
Auditório do Fórum Cível de João Pessoa-PB
Hora: 19h30

Dia 26/09/2009 – Sábado
Evento: Caminhada pela Doação de Órgãos e Tecidos, com animação de trio elétrico, distribuição de brindes e material educativo
Local: Busto de Tamandaré, Praia de Tambaú, João Pessoa-PB
Hora: 8h

Dia 27/09/2009 – Domingo
Evento: Encerramento da campanha com atividades recreativas e educativas
Local: Parque da Criança – Campina Grande-PB
Hora: 8h

Da Assessoria de Imprensa da SES-PB