João Pessoa
Feed de Notícias

Governo do Estado promove caminhada neste sábado: Dia Mundial do diabetes

sexta-feira, 13 de novembro de 2009 - 10:33 - Fotos: 

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) vai promover neste sábado (14) uma caminhada para lembrar o Dia Mundial do Diabetes. De acordo com dados do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis da SES, a Paraíba tem cerca de 300 mil diabéticos. No ano passado, 1.544 pessoas morreram vítimas da doença e até agosto deste ano foram 887 mortes. A doença também foi responsável por 2.660 internações, em 2008, e 2.027 este ano, na rede pública de saúde do Estado.

A concentração da caminhada será às 7h, no Busto de Tamandaré, na Praia de Tambaú, de onde os participantes seguirão pela orla marítima do Cabo Branco. A expectativa do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis é que o evento reúna mil pessoas, entre pacientes de diabetes e profissionais de saúde. O objetivo é conscientizar a população sobre os fatores de risco da doença e o seu controle. 

O evento conta com apoio da unidade de diabetes do Instituto de Assistência à Saúde do Servidor (IASS), antigo Ipep, da Prefeitura de João Pessoa e da Associação de Diabetes de João Pessoa. Antes da caminhada, um educador físico fará alongamento e realizará uma aulão de aeróbica.  Lourdes de Fátima Sousa, gerente operacional do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis da SES, afirmou que este ano a caminhada tem como tema: “Compreender para Controlar”.

Ela explicou que a diabetes bem controlada evita o aparecimento de diversas complicações no paciente como cegueira, doenças renais, ataques cardíacos, derrame cerebral, amputação de pés e pernas, aumento das infecções e impotência sexual.  Um dos cuidados para prevenir a Diabetes é manter a glicemia controlada e dentro dos parâmetros da normalidade.

O essencial é que a taxa de glicemia esteja em até 126mg/dl e mesmo assim o exame deve ser repetido. Para as pessoas que já têm antecedentes de hereditariedade da doença, o exame deve ser feito a cada seis meses.  Além disso, a pessoa deve evitar o sedentarismo, praticar exercícios físicos, ter uma alimentação saudável e evitar o tabagismo.

Um pouco sobre a doença – O diabetes acontece quando o pâncreas deixa de fabricar a insulina (hormônio) ou passa a fabricar em quantidade insuficiente. Existem dois tipos de diabetes: o insulino-dependente, que em geral ocorre na infância ou na adolescência e requer o uso de insulina no tratamento e o diabetes não insulino-dependente, que aparece em adultos, geralmente após os 40 anos de idade e em geral é tratado com comprimidos antidiabéticos orais. Nesse caso, a insulina pode ser necessária em situações especiais.

Hereditariedade, obesidade, infecções graves, gravidez, cirurgias, estresse, envelhecimento e sedentarismo são os principais fatores que favorecem o aparecimento do diabetes. Os sinais e sintomas da doença são urinar muitas vezes, sede exagerada, perda de peso, ter muita fome, desânimo, fadiga. câimbras, tremores, visão embaraçada e cicatrização difícil.

Da Assessoria de Imprensa da SES/PB