João Pessoa
Feed de Notícias

Governo do Estado participa da abertura da Fetech em Campina Grande

quinta-feira, 29 de outubro de 2015 - 10:18 - Fotos:  Alberi Pontes

A secretária Executiva de Estado da Ciência e Tecnologia e diretora geral da Fundação Parque Tecnológico da Paraíba, Francilene Procópio, abriu, nessa quarta-feira (28), a 13ª Feira de Tecnologia de Campina Grande (Fetech). O evento acontece no Centro de Integração Acadêmica da UEPB e vai até o próximo sábado (31). O objetivo é promover o diálogo entre universidades, empreendedores e o público sobre soluções inovadoras focadas na preservação do meio ambiente.

“A 13ª edição da Fetech reforça o exercício de que nós precisamos ter um espaço anual de conversação entre os setores que geram o conhecimento; os setores que aplicam o conhecimento para geração de novas fronteiras inovadoras no ambiente produtivo e os setores que investem nessa relação entre os geradores de conhecimento e o setor produtivo”, destacou Francilene.

A secretária ressaltou que, pela primeira vez, a Fetech é realizada dentro de uma universidade e é possível que, a partir de agora, a feira aconteça nas universidades de Campina Grande e até em outras cidades.

Francilene avalia que Campina Grande hoje é um polo tecnológico de referência no Brasil. Na Fetech, o público pode conhecer várias experiências desenvolvidas por professores pesquisadores e por alunos universitários e do ensino médio, nas áreas de tratamento de águas usadas; tecnologia de dessalinizadores; alternativas de captação de água, além do desenvolvimento de membranas para tratar os reservatórios de água.

Estão expostos na feira experimentos nas áreas de Tecnologia da Informação, Saúde, Tecnologias Limpas, Ciências Ambientais, Sustentabilidade, Tecnologia Social, Agronegócio e Economia Criativa.

O presidente da Fundação de Apoio à Pesquisa (Fapesq), Claudio Furtado, ressalta que a Fetech é um evento que faz interagir os governos, a iniciativa privada e as instituições de ensino, apresentando soluções produzidas nos laboratórios das academias (universidades e outras instituições), para atrair novas empresas para o Estado, além de mostrar as pesquisas ao público.

De acordo com o diretor técnico do Sebrae Paraíba, Luiz Alberto Amorim, organizar um evento como a Fetech é sempre um desafio, mas é estimulador por conta do compromisso com o futuro, que todos os envolvidos têm, visando o desenvolvimento sustentável da Paraíba e do País.

A estudante da Escola Virgem de Lourdes, de Campina Grande, Stefany Lima, expõe na Fetech um projeto de captação água através do vapor, do orvalho, utilizando um sistema de resfriamento que torna a água potável.

Este ano, a feira ainda disponibiliza a Rodada de Negócios da Economia Digital, com empresários paraibanos. Conforme a analista técnica do Sebrae em Campina Grande e gestora do projeto de Economia Digital, Ivana Sena, a Rodada vai fomentar a demanda do mercado local. “Vamos expor as empresas e suas soluções. As negociações serão em torno de soluções para automação, software, entre outras da economia digital”, explicou.

A Olimpíada da Inovação, que acontece durante os quatro dias da Fetech vai ter como tema “Ideias e Soluções Criativas” e o foco vai ser a apresentação de soluções para problemas de organizações governamentais, empresas e sociedade. Além de promover a articulação com as instituições de ensino e empresas que desenvolvem ações inovadoras, o evento estimula a criatividade e o empreendedorismo na Paraíba.