João Pessoa
Feed de Notícias

Governo investe R$ 28 mi e coloca agricultura na pauta econômica

terça-feira, 20 de dezembro de 2011 - 20:06 - Fotos: 

Foto: José Marques/Secom-PB

A Paraíba celebrou o Dia da Inclusão Produtiva atingindo a marca de R$ 28 milhões liberados este ano para financiar projetos Cooperar e do Empreender. Nesta terça-feira (20), o governador Ricardo Coutinho reuniu agricultores em uma festa do campo no Parque do Povo,em Campina Grande, com a entrega de máquinas e caminhões, assinatura de contratos e entrega de cheques do Empreender PB no total de R$ 6,5 milhões, assinatura de contratos do Cooperar de mais de R$ 4 milhões, e mais R$ 7,6 milhões de contratos e chamadas públicas promovidas pela Emater.

Ricardo também fez a entrega de 11 caminhões e automóveis financiados pelo Banco do Nordeste e Banco do Brasil, em um investimento de R$ 881 mil. Os produtores das cooperativas dos municípios de Pedras de Fogo, Conde e Santa Rita foram beneficiados pelo programa “Mais Alimento” (Pronaf/Emater).

O governador e a comitiva formada pelo vice-governador Rômulo Gouveia, secretários estaduais, o deputado federal Romero Rodrigues, o secretário do Desenvolvimento Agropecuário, Marenilson Batista, e representantes da Emater, Emepa e Interpa visitaram uma feira de alimentos, artesanatos, e produtos da agricultura familiar de produtores beneficiados com recursos do Cooperar e Empreender.

Dentro do projeto Cooperar também foram assinados projetos de incentivo à Arranjos Produtivos em 10 municípios, num investimento de mais R$ 4 milhões. “Hoje é um dia de festa para o campo com avanços significativos, onde o Cooperar, que no ano passado não liberou nada, este ano chegou a R$ 22 milhões de financiamentos, dos quais 75% destinados ao setor produtivo. Estamos investindo na base da economia e beneficiando diretamente 5 mil famílias paraibanas”, destacou o governador.

Foto: José Marques/Secom-PB

Segundo Ricardo, o ano de 2011 está se transformando no ano da inclusão produtiva da Paraíba com investimentos na base da economia que vão ativar as grandes cadeias produtivas como a mineração, psicultura, agricultura, confecções e caprinocultura. “São investimentos que chegam a R$ 28 milhões do Cooperar e Empreender para impulsionar a produção no nosso Estado. Uma cooperativa de minério de Picuí, que recebe uma retroescavadeira, teria muita dificuldade de conseguir em um banco acesso a recursos de R$ 500 mil para financiar a máquina. É uma conquista que vai aumentar a produção e, ao mesmo tempo, agregar valor ao minério da Paraíba”, avaliou.

O secretário do Desenvolvimento Agropecuário do Estado, Marenilson Batista, destacou a determinação deste governo de estimular a produção agrícola da Paraíba e articular com todos os órgãos e instituições para promover os Arranjos Produtivos Locais (APLs). Marenilson explicou que o Governo do Estado está prestando contas do trabalho na agricultura e dizendo que quer em 2012 aumentar a participação do setor no PIB do Estado. “Neste dia estamos liberando máquinas e equipamentos, assinaturas de contratos, concessão de crédito fundiários que fortalecem o setor produtivo. É mais emprego e renda para o povo”.

 

Foto: José Marques/Secom-PB

Cooperar – Os recursos possibilitarão construir um galpão para armazenar a produção de algodãoem Juarez Távora, a instalação de um Pecking House para laranja em Matinhas, aquisição de câmara fria e veículo com balcão frigorífico para a produção da banana em Natuba, a aquisição de equipamentos para aumentar a produção do sisal em Pocinhos, construção de um entreposto e unidade de produção de mel em Salgado de São Félix, compra de tanques de resfriamento e máquinas para o aumento da produção de leite em Passagem e construção de um galpão para produção de artesanato em Pombal.

 

Também estão sendo liberados recursos para modernização da unidade de processamento de frutas tropicaisem Poço Dantas, construção de uma casa de mel e aquisição de equipamentos para produção e melem Poço Joséde Moura e implantação de unidade de beneficiamento de piscicultura, equipamentos e alevinos.

 

Crédito Fundiário – O Governo do Estado, por meio do Interpa, e o Banco do Nordeste assinaram contratos no valor de R$ 215 mil para abertura de crédito fundiário para dez famílias do assentamento Nova Jerusalém no município de Pocinhos. O superintendente do Interpa, Nivaldo Magalhães, informou que somente na compra da terra estão sendo investidos R$ 131 mil através de Programa Nacional do Crédito Fundiário e Banco do Nordeste.