João Pessoa
Feed de Notícias

Governo do Estado fortalece agricultura familiar no bioma Caatinga

quinta-feira, 1 de março de 2012 - 12:48 - Fotos: 

O Governo do Estado, por intermédio da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB) e de outros parceiros, está executando ações que contribuem para o desenvolvimento sustentável do bioma Caatinga em toda a Paraíba. Essas iniciativas serão abordados pelo presidente da empresa, Geovanni Medeiros, em palestra no auditório da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (Fiep), em Campina Grande, nesta sexta-feira (2), às 10h50. A palestra faz parte da programação da Pré-Conferência Estadual de Desenvolvimento Sustentável do Bioma Caatinga, numa preparação para o evento A Caatinga na Rio+20, que acontecerá no Rio de Janeiro.

Entre as atividades trabalhadas pela Emater, destacam-se a transição agroecológica e a convivência com o semiárido e o acompanhamento e conscientização, entre as famílias agricultoras, quanto à importância do manejo sustentável da água e do solo. A questão da desertificação tem merecido atenção especial. Os extensionistas trabalham no sentido de identificar áreas em estágio de degradação a fim de proceder com o controle e a recuperação, além de estimular o agricultor fazer o bom uso da vegetação.

A Emater incentiva a utilização de vários tipos de tecnologias para a captação e o uso adequado da água, como cisternas, tanques de pedra para captação de água para produção, cacimbas, barragens subterrâneas, barreiros trincheiras, cisternas, açudes, poços artesianos de alta e baixa vazão e poços amazonas, entre outros. Já o manejo sustentável dos recursos florestais, com adoção de boas práticas, visa aumentar os benefícios em favor das famílias agricultoras, respeitando aspectos ecológicos, sociais e econômicos.

O planejamento, o manejo e a gestão de bacias hidrográficas também constam são preocupações da Emater que, com ação participativa nos comitês, procura concretizar uma gestão equilibrada dos recursos naturais. É uma ação que abrange todo o Estado. Para execução de ações voltadas para a preservação ambiental, a Emater, empresa vinculada à Secretaria do Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), conta com diversos parceiros, como ministérios, conselhos municipais de Desenvolvimento Rural Sustentável (CMDRS) e entidades como as universidades paraibanas.

Sigater – Durante a palestra, Medeiros falará também sobre o Sistema de Gerenciamento de  Informações de Assistência Técnica e Extensão Rural (Sigater), que está contribuindo fortemente  para os avanços ocorridos na qualificação dos serviços de assessoria técnica e extensão rural no Estado.

O sistema consiste no mapeamento da propriedade rural com o preenchimento de formulário eletrônico em que constam informações acerca do que é produzido pelo agricultor familiar e dos recursos naturais da unidade de produção, facilitando, assim, o diagnóstico feito pelos extensionistas. Com pouco menos de 12 meses de funcionamento, já estão cadastradas 5.943 famílias.

“A ferramenta permite que as famílias agricultoras participantes das ações de assistência técnica continuada e os técnicos tenham uma visão contextualizada, numa perspectiva sistêmica da unidade familiar de produção, valorizando o potencial real desta propriedade. Também valoriza a elaboração de projetos, melhora a qualidade de vida e estimula o desenvolvimento rural sustentável”, afirmou.

Recife – Após o evento de Campina Grande, o presidente da Emater segue para Recife, onde proferirá palestra sobre o Sigater para presidentes das unidades de Emater da região Nordeste, dirigentes do Banco do Nordeste em nível nacional e representantes do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).