João Pessoa
Feed de Notícias

Governo do Estado ensina a prática de ensilagem aos criadores do Curimataú

terça-feira, 12 de maio de 2015 - 16:07 - Fotos: 

A convivência com a estiagem no semiárido tem levado os agricultores familiares recorrerem a diferentes maneiras de armazenamento de ração. A Gestão Unificada Emater/Emepa/Interpa, por orientação do Governo do Estado, está levando a prática de ensilagem para todas regiões. Nesta semana, sob orientação da Emater PB, foi realizada uma demonstração de construção de silo aéreo com capim elefante com a participação de 21 produtores rurais do município de Tenório, no Curimataú.

Segundo o coordenador regional da Emater em Picuí, Fernando Guedes, para a realização do dia especial sobre a produção de silagem, tipo silo aéreo com capim elefante, cameron e melaço, ocorreu na comunidade Sitio Chã, de propriedade Lindoberto Cordeiro, numa parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura e outros parceiros. Tendo iniciado às 9 h, o evento se prolongou até às 16h15.

As tecnologias apresentadas servirão como alternativa de suporte à base alimentar e nutricional dos rebanhos bovinos, caprinos e ovinos, garantindo a produção e diminuindo os custos de produção do leite e da carne. Além disso, pretendem promover o desenvolvimento socioeconômico do Semiárido paraibano.

A produção de silagens de alta qualidade depende de um armazenamento das forragens e outros produtos ou subprodutos agrícolas destinados à alimentação animal. Importante nessa fase do processo, denominada de ensilagem, ou enchimento dos silos, o tamanho das partículas, a umidade ou matéria seca do material com a vedação para melhor armazenamento.