Fale Conosco

19 de julho de 2016

Governo do Estado divulga cronograma de visitas técnicas de combate ao Aedes em municípios do interior



A 3ª Gerência Regional de Saúde (3ª GRS), sediada em Campina Grande, dará continuidade nesta terça-feira (19), no município de Tenório, ao cronograma de visitas técnicas com medidas de enfrentamento à tríplice epidemia (dengue, zika e chikungunya). Na próxima terça-feira (26), encerrando a programação do mês, a visita técnica será realizada no município de Caturité.

O cronograma para os meses de agosto e setembro também já foi definido e contemplará os municípios de Algodão de Jandaíra (dia 1º), Gado Bravo (2), Santa Cecília (8), Barra de São Miguel (15), Natuba (22), São Domingos do Cariri (29) e Riacho de Santo Antônio (30). Em setembro, as visitas técnicas serão realizadas em Assunção (dia 5), Santo André (12), Serra Redonda (19) e Areial (26).

As visitas técnicas são realizadas semanalmente e incluem na programação reuniões entre técnicos da Vigilância Ambiental, Vigilância Epidemiológica, Atenção Básica, bombeiros militares e os profissionais dos municípios para repassar informações teóricas sobre o enfrentamento à tríplice epidemia.

Entre as atividades realizadas nas visitas técnicas estão incluídos também ciclos de discussão, visitas domiciliares de orientação à população, inspeção e tratamento dos depósitos, com a destruição dos focos encontrados e informações sobre a importância da notificação.

O cronograma de visitas técnicas teve início ainda no primeiro semestre de 2015, bem antes dos surgimentos de casos de microcefalia associados ao zika vírus, que é transmitido pelo Aedes aegypti. Os municípios que apresentarem maiores índices de infestação recebem mais de uma visita, explicou a gerente regional da 3º GRS, Tatiana Medeiros.

Em dezembro do ano passado, militares 31º Batalhão de Infantaria Motorizada (BIMTz) e Corpo de Bombeiros foram capacitados por técnicos da 3ª GRS. No caso do Exército Brasileiro, a unidade militar reforçou com 60 homens as ações em Campina Grande, que tiveram início com a participação deles em janeiro deste ano.

De cada visita é gerado um relatório elaborado pelos técnicos da 3ª GRS com as ações realizadas, as fragilidades e as sugestões para cada município.