João Pessoa
Feed de Notícias

Governo do Estado calcula nível de assoreamento do açude Saulo Maia em Areia

terça-feira, 25 de agosto de 2015 - 12:59 - Fotos: 

A capacidade do açude Saulo Maia, que fica localizado na cidade de Areia, está sendo reavaliada pelo Governo do Estado. Técnicos da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa) estão concluindo a batimetria para determinar o nível de assoreamento do reservatório.

O açude está cheio, com cerca de cinco milhões de metros cúbicos, e pode ser utilizado para abastecer, além de Areia, cidades como Remígio, Esperança, Arara e Lagoa de Roça. “Existe um processo contínuo de assoreamento dos reservatórios, daí a necessidade da batimetria, que vai permitir a atualização do volume. De posse desse dado, podemos determinar a vazão e qual população pode ser atendida pelo reservatório”, explicou o presidente da Aesa, João Fernandes, lembrando que atualmente a barragem está sendo usada apenas por carros-pipa.

A avaliação do Saulo Maia está sendo feita em parceria com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e o Instituto Nacional do Semiárido (Insa). O resultado deve ser anunciado na próxima semana. “Até quinta-feira terminamos o trabalho de campo. Segunda-feira começa a análise dos últimos dados lançados no sistema. Acreditamos que o trabalho será concluído até o dia 4 de setembro”, informou o professor adjunto de Engenharia Rural da UFPB, Gutemberg Silvino.

O trabalho está sendo realizado com ajuda de um barco equipado com ecobatímetro. O equipamento emite ondas sonoras que atingem o fundo do reservatório e retornam para a superfície, onde são detectadas por um receptor que informa a profundidade. Os técnicos percorrem o açude na embarcação e com a ajuda de um GPS calculam o tamanho da área avaliada.