João Pessoa
Feed de Notícias

Governo do Estado apresenta “educação integral” a novas escolas integrantes do sistema

segunda-feira, 16 de maio de 2016 - 17:10 - Fotos:  Max Brito

Representantes de 42 escolas estaduais, de 12 Gerências Regionais de Educação (GREs) da Secretaria de Estado da Educação (SEE) participaram, nesta segunda-feira (16), de um encontro destinado à apresentação do modelo de educação integral para as unidades que irão implantar o sistema neste ano. Atualmente, o Governo do Estado oferece este modelo de gestão em oito escolas da rede pública estadual.

O encontro, realizado na pousada Paraíso dos Colibris, no município do Conde, litoral sul da Paraíba, serviu de inspiração para os gestores, professores articuladores, gerentes regionais de educação, chefes de núcleo de acompanhamento pedagógico e estudantes, que irão participar do modelo integral de ensino em 2016.

As escolas participantes do encontro já desenvolvem metodologias relacionadas ao programa PBMais ou Escolas Cidadãs Integradas. Agora, se preparam para implantação do modelo de Escola Cidadã Integral. “No PBMais, as escolas oferecem três dias de atividades complementares aos alunos, depois passam a ser escolas cidadãs integradas, quando  disponibilizam mais horas de atividades extras e se autoavaliam, qualitativamente, com mais frequência”, explicou o gerente operacional do Ensino Médio da SEE, Herbert Gomes.

Segundo ele, depois que passam pelo modelo de gestão integrada, as unidades se tornam Escolas Cidadãs Integrais, quando o foco passa a ser no projeto de vida dos alunos e, além das disciplinas regulares, eles têm contato com áreas definidas por eles mesmos, de forma eletiva.

As estudantes Bianca Vanessa Delfino Brito e Ana Beatriz Ferreira Galdino participaram do encontro no Conde. Elas cursam o 1º ano do Ensino Médio na Escola Héliton Santana, em Santa Rita, e falaram ao público sobre a experiência de estudar com o modelo de educação integral. “É muito bom, porque temos matérias escolhidas por nós mesmos e várias atividades complementares, como as aulas de campo”, destacou Bianca.

A ampliação do número de escolas da rede estadual de ensino, como Escolas Cidadãs Integrais, segue o objetivo do Plano Nacional de Educação e do Plano Estadual de Educação. “A meta é oferecer até 2025 o modelo de educação integral em 50% das escolas estaduais. Se continuarmos nesse ritmo, vamos atingir 40% das escolas até 2018”, revelou a gerente executiva de Ensino Médio da SEE, Aparecida Uchôa.