Fale Conosco

30 de setembro de 2013

Governo convoca fiscais e técnicos agropecuários para garantir Estado livre de aftosa



O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Administração, divulgou no último sábado (28), no Diário Oficial do Estado, o edital de convocação do concurso público para provimento imediato de 38 vagas dos cargos de fiscais e técnicos agropecuários da Secretaria de Estado do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca.

Os convocados deverão comparecer ao Centro Administrativo Estadual, no Bloco III, 3º andar, localizado na Avenida João da Mata, s/n, Jaguaribe, no prazo de até 30 dias, a partir da publicação dos atos de nomeação no Diário Oficial do Estado munidos de documentação exigida para investidura no cargo, nos termos do item 1,11 e incisos, do Edital nº 01/2009/SEAD/SEDAP do referido concurso.

A partir desta convocação teremos mais técnicos à disposição da defesa agropecuária para cumprir a missão da Paraíba como zona livre de febre aftosa, pois continua nossa luta pelo reconhecimento internacional. Tudo isso é fruto do compromisso do Governo com o Ministério da Agricultura que, no primeiro momento, convocou 67 concursados e agora são mais de 38, totalizando 105 fiscais que irão servir o Estado imediatamente”, informou o secretário de Estado do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca, Marenilson Batista.

Os 12 fiscais estaduais, com formação em agronomia e medicina veterinária, bem como os 26 técnicos de defesa agropecuária irão atuar em todo a Paraíba nas regionais de João Pessoa, Guarabira, Patos, Sousa, Caaporã, Campina Grande, Alcantil e Cajazeiras.

Os convocados irão desenvolver atividades na vigilância do trânsito de animais, realização de cadastros, visita a campo para verificar a possibilidade de doenças, bem como fiscalizar vacinações e vigiar as fronteiras para evitar que doenças entrem na Paraíba. “Além da defesa agropecuária animal, o concurso está contemplando a defesa vegetal que trata da fiscalização do uso de agrotóxico, liberação de produtos e fiscalização de revendas. Tudo isso é importante para manter a qualidade dos nossos produtos e facilitar a circulação do rebanho em outros Estados”, acrescentou o secretário Marenilson.

Paraíba livre de aftosa – No início do mês de setembro, o governador Ricardo Coutinho e o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Andrade, assinaram o Ato de Instrução Normativa reconhecendo o Estado oficialmente como área livre da doença com vacinação, o que garante a livre circulação e comercialização nos demais Estados do país do gado para abate que tiver cumprido todas as etapas da vacina.

Confira lista dos convocados:

http://www.paraiba.pb.gov.br/wp-content/uploads/DO/Diario_Oficial_28.09.2013.pdf