João Pessoa
Feed de Notícias

Governo comemora Semana do Artesão com exposição em shopping da Zona Sul em João Pessoa

sexta-feira, 11 de março de 2016 - 18:41 - Fotos:  Walter Rafael/Secom-PB

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico da Paraíba (Setde) e do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP), abriu as comemorações da Semana do Artesão nesta sexta-feira (11), no Shopping Sul, no bairro dos Bancários, em João Pessoa, com uma exposição que reúne trabalhos de vários artesãos até o dia 21 de março.

A feira de artesanato é resultado do envolvimento direto de 35 artesãos individuais, grupos familiares e de associações oriundos de municípios paraibanos que trabalham com tipologias em couro, cerâmica, escama de peixe, brinquedos populares, madeira, crochê, algodão colorido, cordel, xilogravura, fibras e bijuterias.

“Resolvemos reunir os artesãos pela primeira vez na Zona Sul da Capital beneficiando os integrantes dessa região e atender a um novo público-alvo. O importante é colocar os artesãos para participarem em feiras sejam elas locais, nacionais e até internacionais para que não fiquem parados até o próximo Salão de Artesanato da Paraíba, no mês de junho, em Campina Grande”, lembrou a gestora do PAP, Lu Maia.

Para o cordelista José Pedro de Lima, mais conhecido como “Índio”, o espaço de divulgação em shoppings amplia a visibilidade dos seus produtos e, consequentemente, da renda por meio das vendas. “No último Salão no Espaço Cultural, vendi mais de 600 exemplares e, apenas hoje, primeiro dia, já vendi mais de 40 cordéis. Sem pretensão alguma as pessoas chegam, lêem, gostam, compram e levam para os amigos e parentes”, afirma.

Seu José Pedro veio da cidade de Dona Inês, nunca estudou, mas mesmo assim ele aprendeu a ler, escrever e contar histórias. Ao longo da vida fez de tudo um pouco trabalhando na agricultura, peão de obras, encarregado de armador e, apenas aos 60 anos, começou a escrever cordel. Hoje, aos 63, já escreveu mais de 80 folhetos e vive em Barra de Gramame com a mulher e mais seis filhos.

Natural do bairro do Róger, em João Pessoa, dona Terezinha Porto, integra um grupo de artesãs chamado “Arte-vida” que, por meio da reciclagem de produtos, aliado ao fuxico, sisal e chita, expõe uma diversidade de produtos. “Somos apenas cinco mulheres, mas bastante criativas. Confeccionamos porta-moeda, jarros de planta, flores e tudo que nossa imaginação pensar. Tudo em torno de R$ 2 a R$ 50”, informou a aposentada que mantém uma loja na Praia do Jacaré, em Cabedelo.

Já as panelas em barro da dona Geralda Evangelista e seu Francisco da Silva chamaram a atenção da família da cidade de Itabaina, distante cerca de 70km da Capital. “Eu vim visitar minha filha e acabei me deparando com essas belíssimas panelas que estão num preço ótimo. Já estou levando para casa e garantindo o almoço do domingo com muito charme e qualidade na mesa”, disse a visitante.

Coordenado pela gestora, Lu Maia, o Programa de Artesanato da Paraíba (PAP) atende a mais de seis mil artesãos no apoio à divulgação, capacitação e comercialização. O Dia do Artesão é comemorado oficialmente em 19 de março e está inserido neste evento realizado há muitos anos pelo Governo da Paraíba.

Serviço – A Semana do Artesão ficará aberta até o dia 21 de março no horário das 10h às 22h, na Praça de Eventos do Shopping Sul, localizado próximo a Praça da Paz, na Avenida Bancário Sérgio Guerra – 900, bairro dos Bancários, em João Pessoa.