Fale Conosco

19 de outubro de 2011

Governo capacita servidores para transposição do Rio São Francisco



O Governo do Estado, por meio da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), está oferecendo seis cursos de capacitação para servidores estaduais que trabalham no processo de transposição do Rio São Francisco. Em parceria com a Agência Nacional das Águas (ANA), as aulas são ministradas no auditório do órgão estadual, localizado na Avenida Epitácio Pessoa, em João Pessoa.

A representante da empresa contratada pela ANA, Angélica Valério, lembra que, para participar, é preciso fazer parte do público alvo. “Nosso foco são os técnicos que trabalham em atividades relacionadas com a transposição do rio”, disse. Segundo ela, ao todo serão ministrados 18 cursos nos estados do Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte.

De acordo com a coordenadora estadual da capacitação, Marie Eugenie, ainda há vagas. “São 30 alunos por disciplina, e os servidores paraibanos tem prioridade. Na próxima segunda-feira tem início o curso ‘Planejamento Estratégico’ com o instrutor Marcelo Meira Leite”, informou. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail marie@aesa.pb.gov.br ou pelo telefone (83) 3211-6452.

A primeira disciplina, “Regulação Econômica”, teve início com o professor Mário Augusto Monteiro e contou com a participação de técnicos de estados vizinhos. “Esses cursos não serão oferecidos em Recife, mas o conteúdo é muito importante, por isso consegui autorização da minha chefia para assistir às aulas aqui”, disse o analista de recursos hídricos da Agência Pernambucana de Águas e Clima, Thiago Pereira.

Agenda – Para novembro, está prevista a disciplina “Macromedição”, que vai abordar conceitos e tipos de macromedidores, seleção de dimensionamento (vazão/volume) e suas respectivas vantagens e desvantagens. Também serão discutidos: avaliação de desempenho de macromedidores disponíveis no mercado, definição de pontos de macromedição e sequência de instalação. As aulas serão conduzidas por José Hélio Aires Nunes e a disciplina terá 32 horas de duração.

A informática também será contemplada nesta série de cursos. Aulas sobre “Administração de Redes Windows Server 2008” estão previstas para os dias 7 a 11 de novembro. Na sequência, será realizada a capacitação “Segurança de Barragens”, com 40 horas de duração. Os debates serão comandados pelo professor Antônio Nunes de Miranda.