João Pessoa
Feed de Notícias

Governo capacita profissionais para operacionalização do Programa ‘Mais Médicos’

terça-feira, 3 de setembro de 2013 - 16:11 - Fotos:  José Lins / Secom-PB

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Saúde, realizou, na manhã desta terça-feira (3), uma oficina de capacitação com os gestores de saúde de nove municípios paraibanos que serão contemplados com médicos estrangeiros do programa “Mais Médicos” do Governo Federal. A reunião aconteceu no auditório do Banco do Brasil, na Avenida Epitácio Pessoa, e contou com a participação dos secretários de saúde dos municípios de Pedra Lavrada, Baraúnas, Aguiar, Damião, Gado Bravo, Picuí, Santana de Mangueira, Serra Grande e Taperoá.

De acordo com o coordenador do Programa “Melhor em Casa”, e que também faz parte da Coordenação da Atenção Básica do Ministério da Saúde, Aristides Oliveira, essa oficina tem como principal objetivo capacitar os profissionais de saúde desses municípios no acolhimento aos médicos estrangeiros. Os secretários de saúde receberam informações sobre estadia, alimentação, carga horária, férias e outras regras de operacionalização do programa.

Aristides Oliveira disse que até o dia 15 esses médicos estrangeiros estarão participando de um curso intensivo no Recife sobre saúde pública brasileira e a língua portuguesa. Ele afirmou ainda que esses profissionais não terão muitas dificuldades de relacionamento com a população brasileira, pois a maioria faz parte de missões internacionais e por isso falam muitas línguas.

O representante do Ministério da Saúde disse também não ter dúvidas sobre o sucesso do Programa “Mais Médicos” no Brasil, pois vem suprir uma necessidade antiga com relação à Atenção Básica, uma vez que muitos brasileiros enfrentam dificuldades para ter acesso aos serviços de saúde. “Esse será um problema a ser resolvido a médio e longo prazo e o Governo Federal, juntamente com Estados e municípios, está fazendo a sua parte”, comentou o coordenador.

A secretária executiva de Saúde do Estado, Cláudia Veras, disse que o Governo do Estado está disposto a dar todo apoio e suporte necessários aos municípios para a operacionalização do Programa “ Mais Médicos” na Paraíba. “Essa capacitação que acontece hoje é justamente para discutirmos as estratégias do programa e com isso garantir que a população possa desfrutar de um atendimento com qualidade nas 1.246 unidades do Programa de Saúde da Família em todo o Estado”, afirmou.

Um dos gestores que participou da oficina foi a subsecretária de saúde do município de Santana de Mangueira, Francisca Pires Patriota, para quem o programa “ Mais Médicos” será de grande importância para melhorar o atendimento, principalmente na Atenção Básica em seu município. Ela afirmou que em Santana Mangueira, que vai receber um médico estrangeiro, existem duas unidades do Programa de Saúde da Família para atender a uma população de 5.332 habitantes. E acrescentou que diariamente cerca de 100 pessoas são atendidas em cada unidade do PSF.

Além de defender o Programa “Mais Médicos”, o secretário de saúde do município de Taperoá, Alex Alexandre Costa Cabral, afirmou que o Governo Federal deve investir também na Educação, fazendo com que as pessoas de baixa renda tenham acesso à Universidade Pública. “Hoje a Medicina é um curso de elite”, destacou o secretário.

Ele disse que com a implantação do Programa “Mais Médicos” um dos grandes problemas históricos na área de saúde pública, que é o atendimento na Atenção Básica, vai ser minimizado. O secretário explicou que o município de Taperoá tem hoje uma população de 15 mil habitantes, conta com seis unidades do PSF e agora vai ganhar o suporte de um médico estrangeiro.