João Pessoa
Feed de Notícias

Governo capacita criadores para confeccionar blocos multinutricionais

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014 - 15:29 - Fotos:  Secom-PB

Blocos multinutricionais que resultaram de pesquisas do Governo da Paraíba estão sendo usados para reforçar a oferta de ração animal durante o período de estiagem na regão do semiárido. Nesta sexta-feira (28), a Emater fez mais uma demonstração de fabricação dos blocos nutricionais, desta vez no Sítio Pompeia, de propriedade do agricultor Raimundo Domingues da Costa, no município de Vieirópolis.

O objetivo das demonstrações é difundir a tecnologia desenvolvida pela Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba (Emepa). A nova forma de alimentar o gado é uma aposta das autoridades do setor para enfrentar o período de estiagem, segundo o presidente da Emater, Geovanni Medeiros Costa.

Segundo o diretor técnico da Emater, Erasmo Lucana, a consolidação do projeto se dá pela parceria com a Emepa. “Cabe à Emater Paraíba repassar aos criadores as tecnologias desenvolvidas pela Emepa, contribuindo para a alimentação dos animais e, consequentemente, reduzindo perdas no rebanho”, disse.

A tecnologia – Trata-se de tabletes nutritivos feitos a partir da mistura de melaço, ureia pecuária, sal comum, minerais e bagaço de cana ou folhas encontradas na propriedade rural. “O uso dos blocos multinutricionais é uma alternativa eficiente e promissora, fornecendo nutrientes essenciais como proteína, energia e minerais durante o período em que as forrageiras estão com baixa qualidade”, explica o coordenador regional da Emater de Sousa, Francisco de Assis Bernardinho.

A pesquisa foi desenvolvida na estação experimental de Pendência, da Emepa, no município de Soledade, Cariri Paraibano. Ao longo dos anos, pesquisadores e técnicos da estação vêm trabalhando na descoberta de alternativas de alimentação para os animais que sofrem em épocas de estiagem. Forragens e fenos feitos à base de plantas nativas (marmeleiro, mata-pasto, jureminha) já estão sendo repassadas aos pequenos e médios criadores como forma de garantir a alimentação do rebanho.

O objetivo do suplemento é atender as exigências básicas de ovinos caprinos e bovinos em proteínas, energia e minerais melhorando a utilização das pastagens de baixa qualidade disponíveis no período seco. A meta é reduzir taxas de perda de peso, melhorar o desempenho e a produtividade animal. “Ao fornecer nitrogênio e energia prontamente fermentáveis, os tabletes melhoram o ecossistema ruminal para multiplicação microbiana e, por conseguinte, incrementar a digestão da fibra, principal componente da forragem na época de seca”, disse o técnico agropecuário da Emater de Vieirópolis, Manoel Chagas de Oliviera.

Para o agricultor familiar Raimundo Domingues da Costa (Mundinho de Zuza), do Sítio Pompéia, disse que “essa nova tecnologia, criada e implantada no município pela Emepa em parceria com a Emater Paraíba, chega num momento oportuno em face da grande carência de ração animal neste período de forte estiagem na região”.

Mais de 97 agricultores familiares do município de Vieirópolis e região participaram da demonstração no Sítio Pompeia, que contou ainda com a presença dos técnicos de todas as unidades operativas da Emater Regional de Sousa, prefeitura municipal de Vieirópolis através do prefeito Antônio de Braga, Sebrae, IFPB, Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável (CMDRS), sindicato rural, associações, Vereadores e lideranças Locais. O programa tem o acompanhamento do técnico local a Emater Manoel Chagas.