João Pessoa
Feed de Notícias

Governo autoriza Escola Técnica e libera recursos do Empreender

sexta-feira, 21 de setembro de 2012 - 07:17 - Fotos: 

O governador Ricardo Coutinho autorizou, nesta quinta-feira (20), o início das obras de construção da Escola Técnica de Mamanguape. A obra, orçada em R$ 7,2 milhões, está dentro do projeto de implantação de 15 escolas técnicas no Estado. Ainda na solenidade, realizada na Praça Antenor Navarro, foram liberados mais de R$ 200 mil em crédito para cerca de 80 empreendedores da cidade de Mamanguape.

A escola, que será instalada no conjunto Nossa Senhora da Penha, terá capacidade para 1200 alunos, quadra poliesportiva coberta, oito laboratórios, sala multimídia para professores e alunos, biblioteca e auditório para mais de 200 pessoas. O governador Ricardo Coutinho disse que a escola profissionalizante vai ter um reflexo positivo para toda a região do Vale do Mamanguape e representa uma esperança nova para os jovens terminarem o ensino médio com uma profissão.

“Essa é a primeira ordem de serviço para a construção da escola técnica de Mamanguape e na próxima semana autorizaremos as obras de Bayeux e João Pessoa. Essa é uma ação fundamental porque a Paraíba precisa formar técnicos para atender as demandas das indústrias, comércios e, ao mesmo tempo, credenciar a vinda de empresas com a oferta de mão de obra especializada”, afirmou Ricardo.

Segundo a secretária executiva de Educação, Márcia Lucena, a escola técnica é de fundamental importância e vem associada com uma política educacional para a juventude ter acesso à formação profissional e à preparação para ingressar no mercado de trabalho.

A estudante da Escola Estadual Senador Rui Carneiro, de Mamanguape, Eliete Lopes, afirmou que a escola profissionalizante “vem em boa hora para que possamos aprender uma profissão e chegarmos mais preparada para conseguimos melhores empregos”.  Ela está cursando o 3º ano do ensino médio e afirmou que pretende fazer algum curso técnico que será disponibilizado para conseguir um acesso mais rápido ao mercado.

Empreender – Um dos beneficiados com recursos do Empreender foi o vendedor de água de coco, Jailson  SIlva, que vai aproveitar o crédito para comprar mais um carrinho refrigerado e aumentar a compra do produto para a venda. “Esse apoio do Empreender possibilitará que eu tenha um aumento na renda mensal, que hoje é de R$ 1.400. A matemática é simples: mais carrinho e mais coco significará uma renda melhor no final do mês”, destacou o empreendedor.