João Pessoa
Feed de Notícias

Governo apresenta projeto da Escola Técnica de Mangabeira

terça-feira, 7 de agosto de 2012 - 11:16 - Fotos:  Reprodução

O governador Ricardo Coutinho apresenta nesta terça-feira (7) o projeto da primeira das 15 escolas técnicas estaduais que serão construídas na Paraíba. A solenidade ocorrerá às 19h, no ginásio do Prosind, em Mangabeira, bairro onde a unidade de ensino será construída em João Pessoa. A ação faz parte do conjunto de obras anunciado pelo Governo do Estado, para a Capital, na quinta-feira (2), com um investimento de aproximadamente R$ 1 bilhão.

De acordo com o secretário de Estado da Educação, Harrison Targino, na ocasião haverá uma consulta popular para definição dos cursos que serão ofertados, os quais constam no catálogo nacional de cursos do Ministério da Educação (MEC). Nesta seleção serão considerados os cursos já ofertados no Estado pela rede pública federal, em João Pessoa, no caso o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia (IFPB), potencializando a oferta de novos cursos.

“O processo licitatório para a construção das três primeiras escolas técnicas estaduais nos municípios de João Pessoa, Bayeux e Mamanguape, respectivamente, está aberto até o dia 27 de agosto. Cada unidade está orçada em R$ 7,7 milhões”, informou o secretário.

As empresas interessadas na licitação deverão comparecer à Secretaria Executiva de Obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), na sala especial de licitação, localizada na avenida D. Pedro I, 178, Centro de João Pessoa. O prazo de execução da obra será de 360 dias corridos.  Os editais da Suplan estão publicados no Diário Oficial do Estado, edição de 21 de julho, nas páginas 11 e 12.

A meta do Governo do Estado é construir 15 escolas técnicas estaduais, das quais seis estão com os processos em andamento. Ainda este ano terá início a construção das unidades de João Pessoa, Bayeux e Mamanguape, que terão capacidade para atender a 1.200 alunos, cada. O secretário da Educação informou que as escolas técnicas contarão com recursos do Governo Federal, por meio do Ministério da Educação e Cultura (MEC), e do Governo do Estado, totalizando um investimento da ordem de R$ 45 milhões, uma média de R$ 7,7 milhões cada obra.

Projeto – Em outubro do ano passado, técnicos do MEC estiveram na Paraíba e visitaram diversas cidades com o objetivo de analisar a viabilidade dos terrenos doados pelo Estado e por alguns  municípios para a construção das escolas, que deveriam ter no mínimo 1,2 hectares. Das cidades visitadas, seis foram aprovados para abrigar as escolas técnicas: Bayeux, João Pessoa, Cuité, Mamanguape, Cajazeiras e São Bento.

O projeto das escolas técnicas é padrão elaborado pelo Ministério da Educação (Mec/FNDE) e prevê edificações de primeiro andar, com 11 salas de aula, auditório com capacidade para 145 pessoas, biblioteca, sala multimídia para professores, e laboratórios de línguas, informática, física, química, biologia e matemática. O local também terá um Centro de Vivência, onde os alunos poderão se socializar nos intervalos das aulas. Também contará com refeitório, cantina, cozinha industrial completa, sala para o grêmio estudantil, oficina de manutenção e um anfiteatro.

As escolas ainda serão equipadas com ginásio de esportes com todo o apoio para os atletas: depósito de equipamentos, vestiário, sala para professores e banheiros. O arquiteto responsável pelo projeto, Eurípedes Oliveira, informou que a escola ainda terá dois laboratórios especiais, cuja função será determinada pelas necessidades de cada cidade e corpo docente.