Fale Conosco

30 de junho de 2009

Governador vai lançar programa para levar arte ao povo e revelar talentos



Um programa de apoio às manifestações culturais da Paraíba, denominado de Itinerarte, será lançado pelo governador José Maranhão no próximo dia 15 de julho, dentro das comemorações de 60 anos de fundação do suplemento ‘Correio das Artes’, do jornal A União. O anúncio foi feito próprio chefe do Executivo estadual, nesta terça-feira (30), durante o programa ‘Palavra do Governador”. Segundo ele, “será uma ação governamental inteiramente nova que vai levar cultura, informação e animação para o povo, com a presença de artistas, inclusive artesãos”.

Para o governador, o Itinerarte é uma forma de o governo popularizar a cultura. “Sabemos que os paraibanos têm uma sensibilidade muito grande, mas faltava oportunidade de revelar os seus talentos e levar o conhecimento no campo das artes para toda a população”, afirmou Maranhão. Ele entende não ser correto dizer que “o povo não gosta de arte. No Itinerarte haverá espaço para a música erudita e demais tipos de manifestações culturais”.

Maranhão garantiu que “a iniciativa quebra um pouco o tabu de que o povo não se interessa pela arte, como por exemplo, pela música erudita. Sempre achei que era um equívoco muito grande, tanto assim que em uma gestão anterior tínhamos um programa que levava Orquestra Sinfônica da Paraíba para as cidades do interior. Havia um comparecimento maciço às apresentações. O povo tem sim muita sensibilidade para a música erudita”, comentou.

O governador explicou que o programa vai criar um espaço para que artistas de um município possam se apresentar em outra região do Estado e assim trocar experiências, fazendo um intercâmbio permanente. “Com isso, a Paraíba vai conhecer a sua arte. É uma oportunidade para os talentos existentes se revelarem, porque com a falta de oportunidade muitas vezes se inibe a revelação de um talento”, disse.

Ele acha o momento oportuno para o lançamento do programa, sobretudo porque a Paraíba ainda vive a efervescência das festas juninas e nada melhor do que abrir mais oportunidades para os artistas mostrarem sua arte. “O caminho é esse porque enriqueceremos o nosso calendário de eventos culturais e turísticos, com a realização dessas caravanas”, previu o governador.

José Nunes, da Secom-PB