João Pessoa
Feed de Notícias

Governador Ricardo Coutinho prestigia posse de Ana Arraes no TCU

quarta-feira, 26 de outubro de 2011 - 18:30 - Fotos:  José Marques/Secom-PB

Governador prestigia posse da nova ministra. Foto: José Marques/Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho e o vice-governador Rômulo Gouveia prestigiaram na tarde desta quarta-feira (26), a posse da nova ministra do Tribunal de Contas da União (TCU), Ana Arraes, em Brasília. A solenidade foi prestigiada pela presidente da República, Dilma Rousseff, e pelos presidentes do Senado, José Sarney, e da Câmara Federal, Marcos Maia. O evento contou com governadores de vários estados do país e pelo prefeito de João Pessoa, Luciano Agra. Ana Arraes foi eleita deputada federal em Pernambuco pelo PSB.

Ricardo Coutinho disse que a indicação de Ana Arraes na condição de mulher e pela sua história foi uma grande escolha da Câmara Federal. O governador destacou que o país vive um momento importante, e que a ascensão de uma mulher nordestina, filha do saudoso Miguel Arraes e que, como parlamentar, defendeu tão bem o povo, tem muito a contribuir com a mais alta corte de contas do país.

Ricardo destacou o discurso forte da ministra pernambucana contra atos de improbidade e corrupção. “A força da ministra Ana Arraes se revela neste grande número de autoridades presentes na sua posse como a presidenta Dilma, ministros, governadores, senadores e deputados todos dizendo que essa foi uma grande escolha para o TCU”, completou o governador da Paraíba.

Em seu discurso após tomar posse como ministra do TCU, Ana Arraes disse que a maior virtude de um magistrado é o equilíbrio, mas com a coragem de saber decidir. A ministra salientou que chegou ao Tribunal para cerrar fileiras, sem trégua, em defesa do dinheiro público.   “Chego aqui para ser implacável e zelosa com o dinheiro da nação, fiscalizando cada centavo. Tenho compromisso com a decência e a moral”, afirmou.

A primeira e última mulher a assumir uma cadeira do TCU foi Élvia Lordello, em 1987. Ela chegou à presidência do tribunal em 1994 e se aposentou no ano seguinte. Ana Arraes, contudo, é a primeira mulher escolhida pela Câmara dos Deputados para o cargo, que pleiteado por outros cinco candidatos. No discurso de posse, Ana homenageou a precursora na Corte de Contas.