Fale Conosco

28 de julho de 2012

Governador recebe visita da viúva de Celso Furtado



ricardo coutinho recebe a viuva de celso furtado foto kleide teixeira 9-portal Foto: Kleide Teixeira/Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho recebeu a visita da jornalista, editora e tradutora  Rosa Freire d’Aguiar Furtado, viúva do economista paraibano Celso Furtado. O diretor-presidente do Centro Internacional Celso Furtado de Políticas para o Desenvolvimento, o paraibano Marcos Formiga, também participou do encontro na Granja Santana. Os dois visitantes presentearam o governador com livros.

Rosa Freire d’Aguiar, que é diretora do Centro Internacional Celso Furtado, afirmou que a visita de cortesia a Ricardo Coutinho foi para agradecê-lo pessoalmente por ser o único político do Brasil até hoje a fazer uma homenagem ao economista. Quando prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho construiu a Escola Municipal “Celso Furtado”, localizada no conjunto João Paulo II, localizada na região do conjunto Ernesto Geisel.

“É uma homenagem muito simbólica porque Celso estudou em escola pública a vida inteira aqui na Paraíba e ele era muito grato por ter feito os estudos dele aqui até o Liceu Paraibano”, revelou. A jornalista acrescentou que a homenagem a seu marido feita pelo então prefeito Ricardo Coutinho foi um gesto bonito e que merecia um agradecimento. Marcos Formiga presenteou o governador com um livro de sua autoria sobre a economia da Amazônia.

O governador  Ricardo Coutinho,  Rosa Freire d’Aguiar e Marcos Formiga conversaram sobre gestão pública, enfocando a importância de se investir em educação. Ricardo relatou sobre os investimentos na rede municipal de ensino quando foi prefeito da capital e disse que a escola com o nome de Celso Furtado é uma homenagem justa ao economista brasileiro, paraibano nascido em Pombal.

Ele revelou ao presidente e à diretora do Centro Internacional Celso Furtado que o Governo do Estado tem investido no ensino profissionalizante e que aqui serão construídas 15 Escolas Técnicas Estaduais. Os três também dialogaram a respeito do desenvolvimento econômico do país, em especial da região Nordeste.

O governador lamentou  não ter participado da abertura do I Colóquio Celso Furtado sobre Cultura e Desenvolvimento, que aconteceu em Campina Grande quarta-feira (26), por conta de sua agenda.

A jornalista elogiou a maneira como Ricardo Coutinho está administrando a Paraíba, afirmando que ficou bem impressinada com a sua gestão. “Me deu a impressão que ele está querendo realmente melhorar a Paraíba e isto para mim é muito gratificante”, afirmou Rosa Freire d’Aguiar, que é carioca mas que conserva laços com a Paraíba, mesmo após  a morte de Celso Furtado.

Rosa Freire d’Aguiar entregou a Ricardo a edição comemorativa dos 50 anos do livro de Celso Furtado “Formação econômica do Brasil”, publicada em 2009 e organizada por ela. Nos últimos 50 anos esse livro de Celso Furtado já teve mais de 30 edições e traduções em nove línguas. Além do próprio livro, a edição traz críticas e artigos publicados desde a década de 1950 e assinados por 21 renomados historiadores e economistas.

Rosa Freire d’Aguiar e Marcos Formiga convidaram o governador a visitar o Centro Internacional Celso Furtado para o Desenvolvimento, que funciona na sede do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), no Rio de Janeiro, onde inclusive está instalada a  Biblioteca Celso Furtado,  que reúne livros pessoais do professor e economista.