João Pessoa
Feed de Notícias

Governador recebe literatos da APL e garante convênio para atividades educativas

sexta-feira, 10 de agosto de 2012 - 09:03 - Fotos:  Francisco França/Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho recebeu, nesta quinta-feira (9), na Granja Santana, a diretoria da Academia Paraibana de Letras (APL) e garantiu a continuidade do convênio para manutenção da entidade com a inclusão de atividades educativas junto aos alunos da rede pública de ensino. O convênio entre a secretaria de Educação do Estado e a APL teve vigência até abril deste ano e será renovado com algumas mudanças.

Acompanhado da secretária executiva de Educação, Márcia Lucena, o governador discutiu com o presidente da APL, jornalista Gonzaga Rodrigues, e com os membros da academia, Juarez Farias e Hildeberto Barbosa Filho, as mudanças para aproveitar o acervo da entidade.  A meta é garantir o acesso dos estudantes ao legado dos autores paraibanos. Durante a audiência, Gonzaga Rodrigues apresentou uma cópia do projeto ao governador e solicitou apoio para sua ampliação.

O governador Ricardo Coutinho destacou a importância das atividades que possibilitem aos estudantes o conhecimento sobre a história e obra dos autores paraibanos. Ele determinou que a Secretaria de Estado da Educação e a diretoria da APL dêem continuidade ao convênio de uma forma ampliada e renovada. Na visão do governador, a APL é um patrimônio da literatura e o seu acervo deve estar aberto para visitação e pesquisa.

O jornalista Gonzaga Rodrigues fez uma avaliação positiva da audiência com o governador e a gestora da educação e que ambos demonstraram interesse em dar continuidade ao projeto, com um formato que leva em conta o caráter educativo com a abertura da biblioteca e a revitalização do memorial Augusto dos Anjos. “Foi uma reunião positiva em que o governador demonstrou interesse em dar continuidade ao apoio à APL com a inclusão de atividades educativas que são importantes para a preservação da nossa história”, avaliou o imortal.

De acordo com a secretária executiva de Educação, Márcia Lucena, a ideia construída com os membros da APL é criar um calendário de visitas dos alunos da rede pública à biblioteca e ao Memorial Augusto dos Anjos que funcionam na sede da APL.  Ela disse que ainda que vai se reunir com os acadêmicos para finalização do projeto e para agilizar a tramitação do convênio.

APL- A entidade foi fundada em setembro de 1941 por João Rodrigues Coriolano de Medeiros, que já era sócio fundador do Centro Literário Paraibano e membro da Associação dos Homens de Letras. Ele reuniu um time de 11 literatos e criou a Casa de Pensamento da Paraíba, entidade que seria o embrião da futura Academia Paraibana de Letras.