João Pessoa
Feed de Notícias

Governador Maranhão e ministro Padilha entregam obras emergenciais em Patos

sexta-feira, 26 de março de 2010 - 19:54 - Fotos: 
O governador José Maranhão e o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, inauguraram às 19h desta sexta-feira (26) em Patos, as obras da recuperação de casas, escolas, estradas, açudes, passagens molhadas e a construção do Lar do Idoso ‘Jesus de Nazaré’. O vice-governador Luciano Cartaxo também participou da solenidade. Mais de 100 famílias tiveram suas casas reconstruídas ou restauradas após as fortes chuvas de 2009, que causaram grandes danos materiais. Recursos da ordem de R$ 4,9 milhões asseguraram a restauração das moradias e dos equipamentos públicos.

A comitiva do governador e do ministro desembarcou no aeroporto de Patos às 17h30. Eles foram recepcionados pelo prefeito Nabor Wanderley, a deputada estadual Francisca Motta, diversos prefeitos e vereadores da região, além de centenas de moradores da cidade.

Ajuda humanitária – Em entrevista ainda no aeroporto, o governador José Maranhão destacou que era uma satisfação voltar a Patos para entregar as obras de ajuda humanitária à população, em menos de um ano. “Eu ainda estou lembrado do dia em que a tragédia aconteceu, quando mais de 380 milímetros de chuva atingiram a cidade, destruíram muitas casas e danificaram outras”. O governador relatou que no momento da visita às áreas alagadas no ano passado, do próprio local ele ligou para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que determinou imediatas providências.

Maranhão revelou que o ministro Alexandre Padilha é um homem sensível às causas sociais e fez questão de ir a Patos para participar da entrega das obras. “Nós nos sentimos muito felizes de ter correspondido à expectativa do povo de Patos, realizando as obras que precisavam ser feitas a tempo e a hora”.

Recuperação – Na entrevista concedida à imprensa, o ministro Padilha revelou que já conhecia Patos há algum tempo e, no inverno passado, foi orientado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva a acompanhar todos os passos das ações até a liberação dos recursos emergenciais. “Um ano depois nós vimos aqui com muita felicidade assistir a recuperação dessas áreas, as famílias receberem suas casas e também observar os outros investimentos que o Governo Federal faz em Patos”, destacou.

O ministro acrescentou que as obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) investe na cidade R$ 11 milhões em habitação. No saneamento são outros R$ 5 milhões. A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) também tem ações na região polarizada por Patos.  

PAC II – Alexandre Padilha adiantou que na próxima segunda-feira o Governo Federal lança o PAC II. Nesta etapa, a Paraíba será contemplada com R$ 1 bilhão para a construção do Canal de Integração, que receberá água do São Francisco e vai garantir oferta hídrica a 500 mil pessoas e para a irrigação. O ministro afirmou que “o governador José Maranhão tem sido um padrinho para a cidade de Patos”.

O prefeito Nabor Wanderley destacou a parceria das três esferas de governo nesta ação emergencial que trouxe benefícios a Patos. Os deputados federal Wilson Santiago e estadual Jeová Campos; o secretário do Meio Ambiente, dos Recursos Hídricos e da Ciência e Tecnologia, Francisco Sarmento; o secretário da Infraestrutura, Leonardo Gadelha, dentre outros auxiliares do governo estadual, participaram das inaugurações.  

As autoridades visitaram o Lar do Idoso ‘Jesus de Nazaré’. O abrigo comunitário foi totalmente reconstruído em um terreno cedido pela prefeitura local numa área maior do que a anterior, onde funcionou por 23 anos até ser destruído pelas fortes chuvas do ano passado. Na construção das novas instalações foram investidos R$ 592 mil.

 
Inauguração – A agenda em Patos terminou com o governador José Maranhão e o ministro Alexandre Padilha fazendo a inauguração simbólica de todas as obras emergenciais, em solenidade no Adro da Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, situada à Rua Januncio Nóbrega, no Bairro do Morro.

No inverno de 2009, a cidade de Patos sofreu danos diversos com o excesso de chuvas. O governador Maranhão compareceu à cidade e iniciou uma série de ações emergenciais com a Defesa Civil e o prefeito Nabor Wanderley. Em menos de um ano, as obras foram realizadas e concluídas em parceria com o Governo Federal e o município.

As obras de restabelecimento de áreas afetadas pelas chuvas do ano passado incluem a construção de nove casas na Vila Cavalcanti, mais o abrigo dos idosos, a recuperação de outras 120 unidades habitacionais, a restauração de oito passagens molhadas, recuperação de 11 escolas e creches municipais e de 208 quilômetros de estradas municipais.

Josélio Carneiro, com fotos de Walter Rafael, da Secom-PB