João Pessoa
Feed de Notícias

Governador José Maranhão recebe reitores da UFCG e UEPB

terça-feira, 31 de março de 2009 - 15:35 - Fotos: 

O governador José Maranhão – acompanhado do secretário da Educação, Sales Gaudêncio – recebeu na manhã desta terça-feira (31), no Palácio da Redenção, os reitores Thompson Mariz, da Universidade Federal de Campina Grande, e Marlene Alves, da Universidade Estadual da Paraíba. De acordo com Sales Gaudêncio, a reunião foi convocada pelo governador para discutir o Projeto de Lei que cria o Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social. As instituições universitárias da Paraíba foram discutir a participação na formulação do plano. “Essas audiências de hoje são os primeiros passos para implantação do Conselho do Desenvolvimento”, disse.

Para o reitor da UFCG, Thompsom Mariz – primeiro a ser recebido pelo governador, a criação do Conselho é importante para que a sociedade civil organizada possa participar efetivamente das ações do governo. “Na hora que você colocar os reitores para participar de um conselho eclético, dessa natureza, ele vem trazer a experiência dessas instituições e contribuir para que as políticas consultem os interesses da Paraíba”.

Thompson enfatizou, ainda, que as universidades começaram, junto com a Secretaria de Educação, um processo de formação e qualificação de professores, além da implantação de colégios técnicos. “O governador se comprometeu em ajudar a conseguir a implantação, ainda este ano, de Colégios Técnicos em Itaporanga e Itabaiana”.

Já a reitora Marlene Alves – que foi recebida pelo governador logo após a audiência do reitor da UFCG, explicou que a UEPB vai participar desse plano, por ser uma instituição do Estado da Paraíba que tem todas as responsabilidades e competências de contribuir efetivamente para o desenvolvimento do Estado.

“A Paraíba precisa compreender que tem potencial e precisa investir não só do ponto de vista da economia, mas da perspectiva de desenvolvimento humano. Nenhuma civilização avançou que não fosse através de projetos educacionais”, comentou.

A reitora informou ainda que a UEPB tem dois anos e meio em João Pessoa e tem um projeto pronto – o qual apresentou ao governador José Maranhão – de construção de sua sede na Capital. Segundo ela, o governo passado desapropriou um terreno para construção desse Campus, mas uma questão jurídica vem atrapalhando o andamento do processo. “O governo atual está resolvendo esta questão para que a UEPB possa então ser construída em local apropriado”, disse a reitora.