Fale Conosco

29 de agosto de 2011

Governador homologa decretos de situação de emergência em cinco municípios atingidos por chuvas



O governador Ricardo Coutinho homologou decretos de situação de emergência de cinco municípios que tiveram áreas atingidas por enxurradas e inundações no inverno deste ano. As cidades são Alagoinha, Aroeiras, Cabaceiras, Montadas e Barra de Santa Rosa.

Os cinco municípios receberão recursos federais para obras de infraestrutura em estradas vicinais e passagens molhadas que sofreram danos causados pelas chuvas, a partir do planejamento do Governo do Estado. No mês de maio, período que mais choveu nas cinco cidades, a Defesa Civil Estadual prestou atendimento às famílias e fez vistoria técnica.

A homologação dos decretos de situação de emergência está publicada no Diário Oficial do Estado, edição de sábado (27), nas páginas 4, 5, e 6. Os cinco municípios sofreram danos causados por inundações em diversas áreas. Houve danos a estradas e perda de culturas agrícolas de subsistências, principalmente milho e feijão.

Com a homologação da situação de emergência, os órgãos do Sistema Nacional de Defesa Civil (Sindec) na Paraíba ficam autorizados a prestar apoio suplementar aos municípios afetados, devendo realizar prévia articulação com a Gerência Executiva de Defesa Civil do Estado.

Histórico – O gerente executivo da Defesa Civil Estadual, coronel Walber Rufino, revelou que os decretos agora serem enviados à Defesa Civil Nacional, em Brasília. Este ano 58 municípios paraibanos decretaram situação de emergência, sendo nove por estiagem e 49 por enxurradas e inundações.

A média de prazo de validade dos decretos é de 90 dias, podendo ser renovado por mais 90 dias. No Estado foram atingidas 5.314 famílias. Hoje há 165 famílias desabrigadas em Bayeux, Campina Grande e Santa Rita.