João Pessoa
Feed de Notícias

Governador discute liberação de R$ 70 milhões para obras turísticas

terça-feira, 27 de novembro de 2012 - 17:07 - Fotos:  José Marques/Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho recebeu, na tarde desta terça-feira (27), no Palácio da Redenção, a representante do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) em Washington (EUA), Maria Claudia Perazza, que chefia missão da instituição na Paraíba entre os dias 26 e 30 de novembro.

A missão está concluindo a avaliação do processo de preparação do Projeto Costa das Piscinas, por meio do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), gerido pela Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico. O Prodetur Paraíba prevê investimento de cerca de R$ 70 milhões em obras de melhoria da infraestrutura turística do Estado.

O projeto Costa das Piscinas compreende cinco municípios da faixa litorânea: Cabedelo, João Pessoa, Pitimbu, Conde e Bayeux – este último em função do Aeroporto Castro Pinto, principal equipamento turístico da região.

Na audiência, o governador Ricardo Coutinho, o secretário de Turismo, Renato Feliciano; o coordenador do Prodetur, Arnaldo Júnior; e representantes do banco discutiram sobre os próximos passos a serem dados para a contratação do programa no segundo semestre de 2013. O governador pediu agilidade no encaminhamento do projeto para dar um ritmo ainda maior no desenvolvimento do turismo da Paraíba.

Ricardo afirmou que acredita na aprovação do programa na Secretaria do Tesouro Nacional e no BID devido ao equilíbrio fiscal do Estado. “Nossa situação fiscal é bem melhor que a de 2009, período da assinatura da carta programa. Por isso, entendo que estamos preparados para a contratação de um programa que será decisivo no desenvolvimento do turismo de uma forma sustentável para o turista e para os cidadãos paraibanos”, avaliou.

A representante do banco em Washington (EUA), Maria Claudia Perazza, disse que a reunião foi bastante produtiva e esclarecedora neste período de finalização do Prodetur com a discussão sobre a execução e as linhas prioritárias. “O governador se mostrou bastante afinado com as prioridades que estamos definindo junto com a Secretaria de Turismo e Desenvolvimento Econômico. Isso é muito bom para o andamento do programa”, disse a executiva.

Ela considerou que a Paraíba possui um grande potencial para o turismo e ressaltou que o Estado tem neste programa uma oportunidade muito positiva de se expandir e se desenvolver dentro de princípios de  sustentabilidade social, ambiental e econômico.

O secretário Renato Feliciano destacou que o programa, depois de passar o ano de 2010 parado, está bastante adiantado no sentido de trazer recursos que vão mudar o panorama turístico de João Pessoa, Cabedelo e do Litoral Sul. “Vamos até janeiro adiantar as tratativas entre o Governo do Estado e o banco para no segundo semestre do próximo ano contratar o programa. O governador e toda equipe estão empenhados para que esses recursos que chegam a quase R$ 70 milhões sejam liberados para viabilizar ações nas áreas de infraestrutura, estratégia do produto turístico; comercialização; fortalecimento institucional e gestão ambiental”, afirmou.

O coordenador do Prodetur, Arnaldo Júnior, disse que o programa está prestes a iniciar uma etapa decisiva, que é a contratação de um conjunto de ações, como investimentos na praia do Jacaré, em Cabedelo, promoção do circuito náutico, sinalização temática do corredor da BR-101, revitalização de parte do Centro Histórico de João Pessoa, a duplicação do acesso ao aeroporto e o acesso e infraestrutura das praias do litoral Sul como Coqueirinho, Gramame, Praia Bela, Tabatinga. Outro projeto importante, segundo ele, é a construção de um espaço de comercialização e lazer noturno em Jacumã.

Arnaldo Júnior explicou que esses investimentos se somam a algumas obras que o Governo do Estado já está executando, como a implantação do esgotamento sanitário das praias da Penha, Seixas e Jacumã, binário de Jacumã e o Centro de Convenções, que serão analisadas como contrapartida do Estado.