João Pessoa
Feed de Notícias

GOE prende bando acusado de assaltos e sequestros relâmpagos

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010 - 10:00 - Fotos: 

Policiais do Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE), com o apoio de agentes da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e da Gerência de Inteligência da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (SEDS) prenderam na noite desta terça-feira (5), em João Pessoa, Edson Barbosa da Silva, o Carioca; Ivo Arcanjo de Carvalho, o Dom ou Arcanjo, fugitivo da penitenciária Média; Josenildo do Rosário Silva, o Dinho e Zildo Lopes de Souza, todos acusados de envolvimento em vários crimes, entre eles, sequestros relâmpagos e assaltos. A ‘Operação Arcanjo’, coordenada pelos delegados do GOE, Wallber Virgolino e Wagner Dorta, contou com a participação de 20 policiais e 5 viaturas. 

Segundo informou o coordenador do GOE, delegado Wallber Virgolino, as investigações foram iniciadas no final de dezembro e tinha por objetivo desbaratar uma quadrilha que vinha praticando assaltos a estabelecimentos comerciais na Grande João Pessoa, entre eles, ao mercadinho União, na comunidade Boa Esperança e a churrascaria Sal e Brasa, no bairro do Bessa.

As prisões dos envolvidos ocorreram em um motel na BR-230, na Capital. No local, foram apreendidos uma caminhonete L 200 preta, 2004, placa KMC 0562 ;  um Clio Sedan verde, placas MOW 2510 e um caminhão da Polimassa, além de uma espingarda calibre 12 com 12 munições e uma pistola .40 com dois carregadores contendo 9 munições cada. Segundo o delegado Wallber Virgolino, os veículos iriam ser enviados para Bolívia para serem trocados por droga.

Os acusados foram indiciados por roubo qualificado, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, resistência à prisão e formação de quadrilha. Eles estão na Central de Polícia à disposição da Justiça.  O delegado Wallber disse que outras operações semelhantes irão ocorrer em breve. “Vamos realizar outras ações de combate a criminalidade para garantir a tranquilidade da população”, frisou.

Sérgio Veloso, da Assessoria de Imprensa da Segurança e da Defesa Social