João Pessoa
Feed de Notícias

Gira Mundo: Professoras retornam do Canadá com entusiasmo de multiplicar experiências educacionais

terça-feira, 6 de dezembro de 2016 - 18:55 - Fotos:  Walter Rafael/ Secom PB

A experiência de três professoras de Inglês da rede estadual de ensino no Canadá, por meio do Programa Gira Mundo, do Governo do Estado, foi relatada à secretária Executiva da Gestão Pedagógica da Educação, Roziane Marinho Ribeiro, na tarde desta terça-feira (6). O programa Gira Mundo é uma iniciativa dos Governos da Paraíba e do Canadá, desenvolvido pela Secretaria de Estado da Educação (SEE) e Fundação de Apoio à Pesquisa (Fapesq).

A secretária Roziane Marinho avalia que a experiência no Canadá faz um diferencial na vida pessoal, pela experiência cultural que as professoras viveram e na vida profissional tiveram a oportunidade de conhecer outro universo escolar, outro contexto educacional. “Essas experiências agora retornam para nossas escolas. Acho que o maior ganho do programa é a gente dar oportunidade aos professores de vivenciarem novas experiências educacionais e de multiplicar estas experiências na nossa rede de ensino”, pontuou.

Roziane Marinho acrescentou que o investimento que o Governo do Estado fez em educadores e alunos, por meio do Gira Mundo, tem retorno. Os 50 alunos que foram ao Canadá, quando retornarem, se tornarão monitores junto aos professores que participaram do programa. “O governador Ricardo Coutinho realmente olha com muito empenho para esse programa, porque acredita nessas boas experiências e entende que a educação ultrapassa o limite da sala de aula”, observou.

Para a professora de Inglês da Escola Estadual Horácio de Almeida, no Alto do Mateus, Solanielly da Cruz Aguiar, a experiência foi única. “Quando a gente volta, vê que pode fazer algo para mudar nossa realidade e que o referencial que a gente tem de ensino no exterior não é tão distante com a nossa realidade, porque a gente pode adaptar. Estamos agradecidas ao Governo do Estado por essa oportunidade. Nós vamos multiplicar tudo o que a gente recebeu de conhecimento, de informação. Vai ser muito gratificante voltar para a sala de aula e colocar em prática tudo que foi adquirido de conhecimento”, ressaltou.

A professora de Inglês Ingrid Carvalho de Farias, da Escola Estadual de Ensino Médio Severino Cabral, de Campina Grande, avalia os 90 dias que passou no Canadá: “Volto com a vontade de realmente trazer o que vi de positivo lá e melhorar a educação no nosso Estado. Está abrindo-se um leque de oportunidades também para os alunos envolvidos no projeto Gira Mundo”.

De acordo com a professora de Inglês, Patrícia Adriana Martins, da Escola Pedro Aníbal Moura, ao criar o Gira Mundo, o Governo do Estado realmente tem seriedade com os profissionais, pensando em educação para gerações adiante. “Vai ser uma experiência profunda que de repente pode mudar muita coisa na educação aqui da Paraíba”, comentou.

Túlio Serrano, diretor executivo de Desenvolvimento Estudantil, coordena o Gira Mundo na Secretaria da Educação e no final de agosto viajou ao Canadá acompanhando os alunos e professores no início do programa. “As professoras e professores voltam motivados, querendo trazer um retorno para a rede de ensino e o programa começa a se solidificar como política pública de educação. Para o Canadá viajaram ainda 50 alunos além das três professoras. Para a Finlândia o Gira Mundo enviou 20 professores”, disse