João Pessoa
Feed de Notícias

Gerentes e técnicos da Educação participam de formação da Liga Pela Paz

terça-feira, 19 de abril de 2016 - 17:40 - Fotos:  Max Brito

Gerentes e técnicos da Secretaria de Estado da Educação (SEE) participam nesta terça (19) e quarta-feira (20) da formação inicial promovida pela Inteligência Relacional na metodologia Liga Pela Paz. A formação acontece na Escola Técnica Estadual de Mangabeira e conta nesta terça-feira com cerca de 20 integrantes da equipe técnica da SEE.

De acordo com Maria Tereza Belchior, líder de conteúdo da área pedagógica da Inteligência Relacional e ministrante da formação, o objetivo do evento é formar a equipe técnica da SEE em conteúdos de educação emocional e social. “Queremos formar essa equipe técnica para conhecimento tanto de como funciona a metodologia, quanto dos temas que embasam a educação emocional e social, trabalhando temas ligados à educação das emoções, sua fundamentação teórica, os conceitos de emoção e como podemos fazer a educação emocional dentro das competências que precisam ser desenvolvidas”, destacou Tereza Belchior.

“Vivemos em meio a discursos inflamados de ódio, que muitas vezes são induzidos pela mídia onde os jovens e crianças passam grande parte do tempo. Aprender sobre como lidar com a diversidade de sentimentos é um grande passo para a reconstrução de um mundo mais sensível. Obrigada aos gerentes regionais, professores, coordenadores e equipe da Inteligência Relacional pelo envolvimento e esforço” observou
Verônica Fragozo, coordenadora da Metodologia Liga Pela Paz na Secretaria da Educação (SEE).

“Nós estamos secundarizando o principal na educação, que é a intimidade humana. Sabemos que a ciência é muito importante, o ensino da Matemática, Linguagem, da História extremamente importante. A ciência que explica. Mas nós precisamos igualmente da arte que intui, da arte que trabalha, que lida com a nossa sensibilidade. Portanto, eu parabenizo os professores de Artes, que estão agregando os fundamentos da educação emocional na formação das nossas crianças, dos nossos adolescentes. E parabenizo igualmente todos os técnicos, todos os gestores que sustentam essa iniciativa tão importante”, ressaltou o professor João Roberto de Araújo, orientador estratégico e fundador da Inteligência Relacional.

“Essa formação é muito importante para a gente, que trabalha na área pedagógica da Secretaria da Educação porque nos faz refletir sobre as práticas da educação emocional, não só no contexto profissional exercido dentro do espaço do órgão, mas também é uma reflexão do que ela pode acarretar nos espaços escolares. Essa prática nos faz parar um pouco para refletir sobre nossas posturas no dia a dia, no trabalho e como educadora” disse Paula Maria Fernandes da Silva, Técnica pedagógica do núcleo de Educação Étnico-racial.

A Inteligência Relacional iniciou em 2014 uma parceria com a SEE desenvolvendo educação emocional e social em escolas da rede estadual junto às famílias. Em seguida, a formação aconteceu nas 14 Gerências Regionais de Educação (GRE) para 950 professores e gestores escolares com o objetivo de trabalhar e desenvolver a metodologia da Liga Pela Paz com os alunos do 6º e 7º anos do Ensino Fundamental.

Após a formação dos gestores chegou a vez dos técnicos e gerentes da SEE. “Nessa formação queremos dar mais base e recursos para que a equipe técnica acompanhe os trabalhos com a metodologia Liga Pela Paz nas escolas”, finalizou Tereza Belchior.