João Pessoa
Feed de Notícias

Gerente geral da Caixa em Campina Grande diz que UEPB vive renascimento

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009 - 19:38 - Fotos: 

Em recente visita ao campus I da Universidade Estadual da Paraíba, situado no Bairro de Bodocongó, o gerente geral da Caixa Econômica Federal (CEF), agência Campina Grande, José Alves Feitosa Filho, destacou o momento vivenciado pela UEPB. Para ele, a instituição protagoniza uma fase de renascimento, despontando no cenário educacional brasileiro como “uma universidade dinâmica e comprometida com a difusão do saber e a sociedade”.

Feitosa acredita que diversos fatores se somam para ampliar o panorama edificado pela Universidade. “Creio que o empenho de todos que compõem o grande mosaico que constitui a UEPB, aliado a uma direção que privilegia a produção do conhecimento e uma maior proximidade com a comunidade, certamente, fazem a diferença, resultando neste processo positivo e abrangente”, explicou. Ele observou que contemplar o crescimento da UEPB é surpreendente. “Para nós, que estamos de fora, é flagrante a mudança operada na instituição”, disse.

O êxito alcançado pela UEPB percorre variados segmentos, atualmente. No último mês, por exemplo, a Universidade comemorou a recomendação concedida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), do Mestrado em Ciências Agrárias (MCA), que se configura como o décimo programa da UEPB recomendado pelo órgão gestor da política de pós-graduação do País. Nove deles foram aprovados nos últimos três anos.

Além disso, ainda este ano, a UEPB e a Fundação Parque Tecnológico da Paraíba firmaram um convênio com a Financiadora de Estudos e Projetos, vinculada ao Ministério de Ciência e Tecnologia, a Finep/MCT, e o Ministério da Saúde, para a instalação do Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde – NUTES. O projeto consiste na estruturação de um centro especializado em Engenharia Biomédica apto a executar atividades nas áreas de Engenharia Clínica, validação de software embarcado em equipamentos médico-hospitalares, design de produtos e manipulação de imagens médicas.

Outro projeto, resultado de uma parceria entre a UEPB e a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), consiste na criação de um laboratório para a qualificação e avaliação de biomateriais. A iniciativa pretende criar uma infraestrutura adequada à análise da qualidade e ao desenvolvimento de biomateriais utilizados em aplicações médicas, em especial implantes ortopédicos.

Ainda é possível destacar a construção, a partir de recursos próprios, do Museu de Arte da UEPB (localizado no Bairro do Catolé) e do Museu de Arte Popular da Paraíba, brevemente situado às margens do Açude Velho, em Campina Grande. Idealizados por arquitetos renomados em todo o país – o primeiro é projetado por Acácio Gil Borsoi e Janete Costa e o segundo por Oscar Niemeyer – os museus representam o afinco da UEPB em dar sua colaboração para o fazer artístico e a cultura do Estado e, consequentemente, para o desenvolvimento humano.

Da Assessoria de Imprensa da UEPB