João Pessoa
Feed de Notícias

Fundac realiza treinamento para implantação do sistema Sipia Sinase na PB

sexta-feira, 25 de março de 2011 - 12:18 - Fotos: 

A equipe técnica da Fundação Desenvolvimento da Criança e do Adolescente (Fundac) realiza nesta sexta-feira (25) e sábado (26) um treinamento para capacitação dos usuários do Sistema de Informação para Infância e Adolescência (Sipia) no módulo do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase).

A implantação desse sistema conta com a participação de 20 técnicos da Fundac e cinco funcionários da Promotoria da Infância e Juventude de João Pessoa.

O Sipia Sinase é um sistema nacional de acompanhamento de medidas socioducativas em versão Web. Além de gerar e organizar dados em nível municipal, estadual e nacional, constituindo uma base para a formulação de políticas públicas no setor, o programa permite a criação de uma rede digital com o monitoramento do fluxo de atendimento aos adolescentes em conflito com a lei.

Esse Sistema se fundamenta na garantia e defesa dos direitos preconizados pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (Eca) e será responsável por acompanhar o processo dos jovens autores de atos infracionais desde o primeiro atendimento, passando pela internação provisória, aplicação, execução e acompanhamento das medidas socioeducativas em meio de semiliberdade e internação, subsidiando ainda as instituições que executam essas ações com informações constantemente atualizadas, a exemplo das Varas da Infância e Juventude, Ministério Público e demais órgãos competentes.

Segundo Edilane Mariz, administradora do Sipia Sinase na Paraíba, esse sistema é um instrumento não só de banco de dados, mas de política pública, pois, além de diagnosticar a situação dos adolescentes autores de atos infracionais a nível nacional, ele permite o monitoramento ao atendimento socioeducativo desses jovens.

Edilane explica ainda que por ser o Sipia Sinase um sistema interligado, todas as informações processuais desses adolescentes poderão ser encaminhadas pelo próprio sistema para a unidade de atendimento. “Ao chegar na unidade, esses dados já estarão cadastrados e todo o processo do período de internação será acompanhado pela equipe multidisciplinar que vai alimentar o sistema cotidianamente por meio do Plano Individual do Adolescente, onde a equipe discute propostas e o adolescente participa do processo por meio de um projeto definido como protagonismo juvenil”, afirmou.

Para Cassandra Figueirêdo, presidente da Fundac, o Sipia Sinase vai suprir ainda uma lacuna referente aos dados estatísticos sobre esses jovens, como por exemplo, o número de adolescentes por unidade, ato infracional, ato por bairro, informações socioeconômicas, demográficas, faixa etária e tipos de atos mais incidentes, entre outros.

Após o treinamento, os técnicos se prepararão para a implantação do Sistema que está prevista para a próxima quinta-feira (29) no Centro Educacional do Adolescente (Cea) e Centro Educacional do Jovem (Cej). Segundo Cassandra “Esse é o primeiro passo para a implantação de um programa que será posteriormente levado a todas as unidades socioeducativas do Estado”, concluiu.