João Pessoa
Feed de Notícias

Festival Paraibano de Coros acontece em setembro

quarta-feira, 30 de junho de 2010 - 13:46 - Fotos: 
O VIII Festival Paraibano de Coros – Fepac que acontecerá de 08 a 11 de setembro, no Teatro Paulo Pontes – Espaço Cultural, em João Pessoa, terá uma novidade este ano. O professor da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Eduardo Lakschevitz, vai ministrar oficina de Regência e Canto Coral a todos os participantes do evento, abordando os seguintes temas: aspectos da liderança de grupos musicais (regência, ensaio, repertório); características da linguagem musical na produção coletiva e fatores extra-musicais dessa produção.

Lakschevitz, que vem realizando diversas palestras em empresas do Sudeste do País abordando o tema “Liderança, controle de qualidade e a socialização dentro da empresa”, a convite do gerente de qualidade da Coteminas João Pessoa, Iran Cosme, realizará uma palestra – dentro do Fepac, onde fará uma relação deste tema com a atividade do canto coral.

De acordo com o coordenador do Fepac, maestro Eduardo Nóbrega, as inscrições vão até dia 10 de agosto. Para se inscrever é só acessar o e-mail maestro.edu@hotmail.com e solicitar as informações necessárias para participar tanto da oficina como do encontro. Ele informou ainda que o festival não tem caráter competitivo e é aberto para todos os grupos que desejam mostrar seus trabalhos.

Uma realização do Governo do Estado, através da Fundação Espaço Cultural e Empresa Coteminas, com apoio cultural do escritório “Crispim, Ribeiro & Cabral Advogados Associados”,Cred Cobrança Empresarial e a Coordenação de Extensão – COEX da Universidade Federal da  Paraíba, o festival pretende reunir, nos quatro dias, 40 grupos de canto coral de várias partes do Brasil, nas categorias infantil, adulto e melhor idade.

 
“Cerca de duas mil vozes vão circular pelo Espaço Cultural durante os quatro dias de festival. Para se ter uma ideia, o ano passado, o Fepac reuniu representantes de nove Estados e do Distrito Federal, além de proporcionar a criação de vários corais de empresas e de instituições na Capital e o apoio desses incentivadores culturais é primordial para difundir o canto coral no Estado, além de consolidar o festival como o maior evento de Canto Coral do Estado”, finalizou Nóbrega.

Eduardo Lakschevitz: Doutor em Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), onde atua como professor da cadeira de História da Música, Regência Coral, Mestre em Regência Coral pela Universidade de Missouri-Kansas City (EUA).  Rege os coros da UNIRIO ,FENSAEG e da TV Globo.

Foi regente do Coral SEBRAE/RJ e do Coro KOLINA (do Seminário do Sul) com o qual gravou dois CD’s e realizou concertos em diversas cidades brasileiras, além de uma tournée de 12 concertos nos Estados Unidos. Fundou em 1991 a ONG Oficina Coral e desde 2007 atua como Coordenador Pedagógico dos Painéis de Regência Coral da Fundação Nacional de Arte -FUNARTE.

Mônica Nóbrega da Secom