João Pessoa
Feed de Notícias

Festival Audiovisual começa nesta sexta-feira e exibe longas rodados em Campina

sexta-feira, 14 de novembro de 2014 - 10:56 - Fotos:  Divulgação/SECOM-PB

Neste sábado e no domingo (15 e 16), às 15h, no Teatro Municipal Severino Cabral, serão exibidos os longa-metragens “Pingo d’água”, do diretor Taciano Valério, e “O Resgate do Pavão Misterioso”, do diretor e professor Sílvio Toledo. A programação integra o 9º Festival Audiovisual de Campina Grande – Comunicurtas UEPB, que será aberto às 19h desta sexta-feira (14). no mesmo teatro.

O Festival tem apoio do Governo do Estado, via Secretarias de Cultura e de Comunicação, e homenageará dois grandes artistas da área: o paraibano Fernando Teixeira e o francês radicado no Brasil, Jean-Claude Bernadet. A primeira noite do festival conta, ainda, com a exibição de vídeos das mostras competitivas. A programação completa pode ser acessada em http://sites.uepb.edu.br/comunicurtasuepb/.

Os longas programados para estes sábado e domingo tiveram a maioria de suas cenas rodadas na Rainha da Borborema e vão integrar a Mostra Especial de Filmes Convidados. Assim, a programação do festival o escolheu como forma de homenagear os 150 anos de Campina Grande, transcorridos neste mês.

O evento vai até o dia 18 de novembro e promove vivência cultural oferecida no cinema, permitindo o acesso democrático à sétima arte, a partir da realização de mostras competitivas, exposições, mesas redondas, debates, oficinas, workshop e palestra sobre vários temas envolvendo a arte audiovisual, além do Fórum Paraibano de Audiovisual e do Encontro do Grupo de Trabalho Audiovisual da Comissão Nacional dos Pontos de Cultura – CNdPC/MinC e da Rede Paraibana dos Pontos de Cultura.

Também fazem parte da programação do festival as mostras competitivas, que contam com várias produções avaliadas por um júri especializado. São elas: Mostra Brasil, para curtas metragens produzidos em qualquer um dos estados da Federação; Mostra Tropeiros, para curtas de realizadores paraibanos ou domiciliados na Paraíba; Mostra Estalo, para curtas paraibanos com até um minuto de duração; Mostra Tropeiros de Telejornalismo, para reportagens e matérias de TV produzidas por profissionais paraibanos; e a Mostra A Ideia é…, para peças publicitárias produzidas por profissionais ou empresas paraibanas.

Também serão realizadas ao longo do evento oito oficinas que abordarão temas voltados à produção e realização da cultura audiovisual. São elas: “Elaboração de projetos e captação de recursos públicos”, “Roteiro para produção audiovisual”, “Preparação de ator para cinema”, “Cinema e novas mídias”, “Som direto: equipe, equipamentos e captação”, “Etnografando comunidades”, “Media Training” e “Introdução à produção de filmes de baixíssimo orçamento”.